ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, QUINTA  29    CAMPO GRANDE 21º

Política

“Quero uma relação de respeito com todos os órgãos”, diz Bernal

Em entrevista, após o anúncio das 111 obras, prefeito garante buscar uma relação de respeito entre as instituições, incluindo a Câmara Municipal

Por Carlos Martins | 22/04/2013 11:48
Prefeito Alcides Bernal anuncia pacote de 111 obras no valor de R$ 504 milhões (Foto: Marcos Ermínio)
Prefeito Alcides Bernal anuncia pacote de 111 obras no valor de R$ 504 milhões (Foto: Marcos Ermínio)

O prefeito Alcides Bernal (PP) disse hoje durante balanço de 111 dias de sua administração que espera contar com o apoio de todos para executar o pacote de 111 obras anunciadas durante o evento. Depois que seu líder na Câmara, Alex do PT, falou sobre um suposto “Triângulo das Bermudas”, que seria integrado pelo Tribunal de Contas, Ministério Público e Câmara Municipal, que estariam manobrando contra seu governo, Bernal adota um discurso conciliador e diz querer estabelecer uma relação de respeito entre as instituições.

“Quero aproveitar a oportunidade para dirimir qualquer espécie de dúvida que possa existir e estabelecer uma relação de muito respeito com todos os órgãos públicos, a começar pelo Poder Legislativo”. O anúncio das obras foi no gabinete da Esplanada Ferroviaria nesta segunda-feira (22), dia em que Bernal completa 112 dias de gestão. As obras anunciadas integram o programa "111 dias, 111 Obras e Ações".

Para que o pacote de obras, estimado em R$ 504 milhões, possa se tornar realidade, Bernal disse que sua equipe irá trabalhar intensamente, mas ele espera, também, que seja criado um clima de avanço, de melhorias, de desenvolvimento, da união e das parcerias. Até a imprensa foi convocada. “A imprensa tem que destacar as iniciativas”, disse o prefeito. Sobre a Câmara, que esteve representada por vários vereadores, ele enfatizou que deve existir uma relação de entendimento.

“Temos na Câmara bons representantes do povo. E quero destacar aqui os 29 vereadores, não estabelecer o critério de que esses são melhores do que os outros. É a minha iniciativa de podermos começar essa relação de respeito juntos para trabalharmos pela nossa cidade”, disse Bernal.

As obras anunciadas por Bernal irão contemplar todos os setores, tais como saúde, educação, trânsito, infraestrutura, gestão pública, artes e cultura, meio ambiente, esportes e lazer, entre outros. Grande parte das obras conta com recursos federais. “Não tenho dúvidas que vamos realizara estas obras e conto com o apoio da presidente Dilma”, disse Bernal

Ex-governador e atual vereador Zeca do PT compareceu ao evento (Foto: Marcos Ermínio)
Ex-governador e atual vereador Zeca do PT compareceu ao evento (Foto: Marcos Ermínio)

Obras estruturantes - Durante a apresentação, Bernal chamou os secretários cujas pastas serão responsáveis pelas obras. Para enfatizar que seu governo está alinhado com a presidente da República, o prefeito pediu para que o secretário Semy Ferraz (Infraestrutura, Transportes e Habitação) falasse sobre três grandes obras estruturantes que serão executadas: Córrego Segredo, que está dentro do PAC II e receberá R$ 17,9 milhões para obras de infraestrutura; Rio Anhandui, que prevê investimentos de R$ 40 milhões para a contenção e urbanização das margens do rio com a revitalização da Avenida Ernesto Geisel; e o Córrego Balsamo, onde, de um total de R$ 80 milhões, já foram investidos R$ 40 milhões para a urbanização de fundos de vale.

“São obras que vão mudar a realidade destas regiões e vão fazer com que população não sofra mais com a água invadindo suas residências e comércios”, avaliou. Durante entrevista à imprensa, o prefeito disse que a empresa Solurb, que faz a coleta do lixo, receberá os pagamentos atrasados assim que a análise do contrato for concluída. “A coleta de lixo está sendo executada. E estamos cobrando o máximo de qualidade no serviço”, disse o prefeito. Perguntado se o contrato poderia ser rompido ele respondeu: “O contrato está em vigor. Tudo é possível, mas não vamos estabelecer o critério da incerteza”, garantiu.

O prefeito destacou que as obras planejadas vão impactar toda a cidade. “Na educação, 96 escolas serão reformados. Vamos construir e entregar as UBS [Unidade Básica de Saúde] do Buriti e Arnaldo Estevam Figueiredo e também reformar as UPAs [Unidades de Pronto Atendimento] e melhorar as UBS”, anunciou.

Sobre as críticas que tem recebido, Bernal garante que as recebe com tranqüilidade. Entretanto, ele diz que algumas críticas vêm acompanhadas da vontade de criar um clima de desgaste em sua administração. “Preciso conviver com esse tipo de situação. Ouço estas críticas, respeito, e respondo com trabalho. Vamos cumprir as metas e estabelecer um cronograma de forma a atender o anseio da população”, finalizou.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário