A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 22 de Março de 2019

28/12/2018 12:00

Aplicativo do TSE registrou 472 denúncias nas eleições em Mato Grosso do Sul

A maioria foi por propaganda irregular, mas eleitores também relataram uso da máquina pública e compra de votos

Aline dos Santos
Aplicativo Pardal permite encaminhar denúncia com fotos e vídeos. (Foto: TSE)Aplicativo Pardal permite encaminhar denúncia com fotos e vídeos. (Foto: TSE)

As Eleições 2018 resultaram em 472 denúncias por meio do aplicativo Pardal, sistema disponibilizado pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral), em Mato Grosso do Sul. Do total, a maioria foi por propaganda eleitoral: 230. Na sequência, aparecem crimes eleitorais (107), denúncias (104), uso da máquina pública (23) e compra de voto (6).

Num recorte dos municípios, eleitores de Campo Grande encaminharam 251 denúncias. No País, o aplicativo teve 47.144 denúncias. O maior volume foi em São Paulo, com total de 8.570. No comparativo com os demais Estados, Mato Grosso do Sul foi o quinto com menos denúncias.

O aplicativo Pardal permite encaminhar suspeitas de irregularidades eleitorais, com fotos, áudio e vídeo. Podem ser feitas denúncias de temas como propaganda eleitoral, uso da máquina pública, compra de votos, crimes eleitorais, doações e gastos eleitorais.

Mas ficam de fora irregularidades na propaganda eleitoral veiculada nas emissoras de TV ou rádio e na internet, bem como notícias de infrações relacionadas a candidatos aos cargos de presidente e vice-presidente da República.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions