A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

01/07/2013 18:17

Após gravações, secretária de Saúde, Beatriz Dobashi, pede demissão

Zemil Rocha
Beatriz Dobashi deixa o primeiro escalão do governo Puccinelli (Foto: Arquivo)Beatriz Dobashi deixa o primeiro escalão do governo Puccinelli (Foto: Arquivo)

A secretária de Saúde de Mato Grosso do Sul, Beatriz Dobashi, já não integra o primeiro escalão do governo do Estado. Nesta segunda-feira (1º), ela encaminhou ao governador André Puccinelli pedido de demissão, a fim de permitir que todos os fatos referentes à denúncia sobre Rede de Combate ao Câncer e envolvendo seu nome sejam apurados.

Dobashi refere-se à gravação de interceptações telefônicas, realizadas durante a Operação Sangue Frio e divulgadas hoje pela TV Morena, que revelam combinações entre ela e o diretor do Hospital Regional, Ronaldo Queiroz, sobre como responderiam ao Ministério da Saúde solicitação sobre o interesse do Estado em repasse de aceleradores lineares para tratamento de pacientes com câncer.

A estratégia acertada, conforme a gravação, era a de convencer o Instituto Nacional do Câncer (Inca) a enviar os equipamentos apenas para o HR e ao Hospital do Câncer, dirigido na época por Adalberto Siufi. Nas conversas gravadas, Beatriz deixa claro que há uma relação próxima com o médico oncologista, afastado do HC depois de denúncias de improbidade.

Além de colocar o cargo à disposição, Beatriz Dobashi também disponibilizará seu sigilo fiscal e telefônico para eventual investigação.

A secretária deixa de ser assessora de Puccinelli após mais de 16 anos. Desde a primeira administração de André na Prefeitura de Campo Grande, ela colabora com ele, que já está no penúltimo ano da segunda gestão à frente do Executivo estadual.

 



IMAGINA QUANTAS VIDAS QUE SE PERDERAM
 
Silvio Silva em 01/07/2013 23:56:50
O ESTADO AGRADECE, O POVO FICARÁ MAIS ALIVIADO, MENOS UMA IRRESPONSÁVEL NA ÁREA DA SAÚDE, QUEM SABE AGORA ENTRE NA FUNÇÃO UMA PESSOA HUMANA E DIGNA PARA TAL RESPONSABILIDADE E QUE REALMENTE DÊ VALOR A VIDA DO CIDADÃO, QUE TANTOS IMPOSTOS PAGAM NESTE PAÍS, SENDO AINDA HUMILHADO EM SUAS NECESSIDADES CONFORME VERIFICADO NAS GRAVAÇÕES .
PARECE QUE ELA CRIOU VERGONHA NA CARA.!! OU ESTÁ COM MEDO POIS O POVO ACORDOU...
 
Marcos Silva em 01/07/2013 21:21:16
Não vai dar em nada!!!! Quero ver pegar quem está por trás disto tudo!!!!
 
Otavio Moreira em 01/07/2013 21:00:37
Parabéns a TV Morena por ter divulgado a matéria, senão essa Sra. de rosto angelical estaria participando dessa quadrilha de médicos, acho que o CRM deveria punir com rigor esses médicos por quebra do juramento feito na sua formatura.
 
Joao Braz em 01/07/2013 21:00:34
Vai tarde Dra...vai com Deus... Se é que dá para dizer assim de quem faz isso com quem tem câncer...
 
Emerson Santiani em 01/07/2013 20:24:00
Não sei quem é pior, aquela médica de Curitiba, que ceifava vidas na UTI, ou essa secretária, que impedia que as pessoas possam ter um tratamento digno em sua doença, tudo pra beneficiar a máfia, que pelo interesse demonstrado em defender, deve sim fazer parte dela.....
 
Rodrigo Almada em 01/07/2013 20:23:19
É uma vergonha, ela pedir demissão, deveria ser demitida a muito tempo, pois fazer com que os equipamentos para tratamento do câncer não chegasse aos hospitais públicos de Campo Grande, para beneficiar seus amigos, prejudicando toda esta população sofrida, deveria ser expulsa do estado. Quero ver o dia que ela precisar de um tratamento quimioterapêutico, onde vai fazer, é logico ela pode pagar. Temos que organizar mais manifestação para tirar todos os envolvidos neste escândalo o mais rápido possível. Vamos para rua Brasil.
 
Carlos Augusto em 01/07/2013 20:16:14
é um absurdo como essas pessoas brincam com a vida humana. Prejudicam toda uma população que precisa de tratamento de algo sério como o câncer em troca de mais luxo, para desfilarem em rodas sociais, carrões, mansão. Não sei como conseguem ter tudo isso sabendo que é fruto de roubalheira e prejudicando as pessoas. Esses envolvidos pode-se dizer que são responsáveis indiretos pela morte de centenas de pessoas que não têm tratamento de câncer adequado por culpa deles. Infelizmente para a cadeia sabemos que não irão.
 
rafael santos em 01/07/2013 19:09:24
Tem que ser presa e não demitida !!!
 
Alex Silva em 01/07/2013 18:43:51
Justiça sera feita se ela devolver os valores da corrupção, feita na saúde todo o período que a fez acompanhar secretaria de saúde municipal, a atualmente no estado. vamos sair em passeata para decretar sua prisão.
 
marcos antonio aroca. em 01/07/2013 18:38:17
Vergonhoso ver uma pessoa dessa a frente da secretaria de Saúde, espero que ela seja presa e pague pelo que fez.
 
Diego Souza em 01/07/2013 18:35:25
quanta incompetencia, 16 anos a frente e a saude um caos
 
darci warpechowski em 01/07/2013 18:29:14
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions