ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUARTA  21    CAMPO GRANDE 23º

Política

Após se reunir com André, Murilo diz que é candidato

Redação | 10/06/2010 15:34

Depois de se reunir, nesta tarde, com o governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli (PMDB), no aeroporto internacional de Campo Grande, o vice-governador Murilo Zauith (DEM) disse que é sim, pré-candidato ao Senado, contrariando afirmação anterior de que desistiria da candidatura.

André e Murilo estão no Aeroporto para recepcionar o candidato do PSDB à Presidência José Serra.

Ao sair do encontro, Murilo disse durante a conversa André desmentiu a declaração atribuída a ele, que foi apontada pelo vice como motivo para desistir da candidatura.

O impasse foi gerado após Zauith ler nos jornais afirmação atribuída a André de que os vencedores da eleição para o Senado seriam o senador Delcídio do Amaral (PT) e o deputado federal Waldemir Moka (PMDB).

Murilo afirmou ainda, que, desfeito o mal entendido, a chapa dele deve permanecer a mesma, com o vice-prefeito licenciado de Campo Grande, Edil Albuquerque, que também anunciou esta semana seu rompimento com André.

O governador disse que conversou com Edil e que não tem uma resposta definitiva. Segundo ele, Edil não falou em rompimento, mas demonstrou rancor por uma declaração que "não houve".

André disse que a afirmação feita em Três Lagoas foi de haviam dois candidatos "fortes" ao Senado, Delcídio e Moka, e não de que já haviam vencedores.

Nos siga no Google Notícias