A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 20 de Agosto de 2018

03/09/2010 14:02

Ari Artuzi queria R$ 1,3 milhão para pagar Sizuo Uemura

Redação

Gravação feita durante a Operação Uragano revela que o prefeito Ari Artuzi queria levantar R$ 1,3 milhão para pagar o empresário Sizuo Uemura - chefe de outro esquema criminoso descoberto no ano passado.

A gravação é de uma conversa no dia 7 de junho de 2010 entre o secretário de governo Eleandro Passaia, autor da denúncia, e o empresário Edson Freitas da Silva, da Vale Velho.

Sizuo Uemura era o cabeça do esquema de fraude em licitações na Saúde e outros crimes em Dourados, descoberto pela Owari no ano passado. O prejuízo calculado foi de aproximadamente R$ 20 milhões aos cofres públicos de Dourados e cidades da região.

Na ocasião, a PF prendeu 42 pessoas em Dourados, Ponta Porã e Naviraí.

Agora, na Operação Uragano, foram presas 28 pessoas, incluindo prefeito, primeira-dama, secretários, nove dos 12 vereadores e empresários. Alguns já estão soltos.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions