A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 13 de Outubro de 2019

14/07/2009 15:07

Artuzi diz que seu governo é vítima de perseguição

Redação

O prefeito de Dourados, Ari Artuzi (PDT), afirmou há pouco, ao Campo Grande News, que seu governo está sendo vítima de perseguição.

Entretanto, ele não cita nomes. Diz apenas que quem acompanha seu trabalho, sabe de quem ele está falando.

"O povo do Estado sabe, quem conhece nosso trabalho, nossa história, sabe do que eu estou falando", resumiu o prefeito, que está em Campo Grande, em reunião com o deputado federal Dagoberto Nogueira (PDT).

"Isso é perseguição com meu governo, analise bem o que aconteceu, e tire suas próprias conclusões", complementou.

Ele nega que o assunto em questão seja a recomposição de seu secretariado e esclarece que só veio à Capital discutir os últimos detalhes para a construção de mil novas casas em Dourados.

Segundo a assessoria de Artuzi, as casas foram garantidas por Dagoberto junto à presidente da Caixa Econômica, Maria Fernanda Ramos Coelho, pelo programa "Minha Casa, Minha Vida".

Artuzi disse que se reuniu recentemente com os presidentes regionais do PDT e do PR, deputados Ary Rigo e Londres Machado, mas que eles não indicaram nomes para seu secretariado, desmantelado depois da operação Owari, da Polícia Federal.

"Eles não querem indicar ninguém, são companheiros e querem que Dourados vá bem", declarou, ressaltando que, apesar dos problemas em seu secretariado, está trabalhando para reformar 12 escolas, construir uma nova, além de seis creches.

Substituições

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions