A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 23 de Agosto de 2017

31/05/2016 15:07

Ayache reafirma que não será vice de Rose e evita racha em bloco do PMDB

Antonio Marques e Leonardo Rocha
O presidente da Cassems Ricardo Ayache divulgou nota reiterando não sair candidato nas próximas eleições (Foto: Arquivo)O presidente da Cassems Ricardo Ayache divulgou nota reiterando não sair candidato nas próximas eleições (Foto: Arquivo)

O presidente da Cassems (Caixa de Assistência dos Servidores Públicos de Mato Grosso do Sul), Ricardo Ayache (PSB), divulgou nota em sua página no Facebook, nesta terça-feira (31), para reafirmar que não será candidato a nenhum cargo nas próximas eleições municipais. O posicionamento encerra especulações de que ele seria o pré-candidato a vice na chapa encabeçada pela vice-governadora, Rose Modesto (PSDB), possibiildade que, confirmada, causaria racha no bloco político formado por PMDB, PT do B, PSB e PR.

Ricardo Ayache reitera que foi empossado recentemente como presidente da Cassems, com aprovação de mais de 90% das urnas, “fato que me honra e aumenta a minha responsabilidade para com as mais de 200 mil vidas que a Cassems representa”.

Ayache ressalta ter compromisso de terminar o mandato na Cassems, "que já é consagrada como o maior plano de saúde do Estado e reconhecida, nacionalmente, pela ANS (Agência Nacional de Saúde), como o melhor na sua categoria assistencial".

Segundo ele, dentre os grandes compromissos assumidos com os beneficiários, está a inauguração do Hospital Cassems de Campo Grande e a construção do Hospital de Corumbá. “Conquistas que serão importantes na construção de uma saúde melhor para os campo-grandenses e sul-mato-grossenses”, destaca Ricardo Ayache.

Bloco forte – O deputado estadual Márcio Fernandes (PMDB) afirmou que o bloco composto com o PTdoB, PR e PSB para disputar a Prefeitura de Campo Grande continua forte e garante 12 minutos no tempo do programa de TV na campanha eleitoral, “o que é fundamental em uma eleição curta”, disse ele, durante a sessão de hoje na Assembleia Legislativa. Na próxima sexta-feira (3) deve ser definido o nome do pré-candidato.

Conforme Fernandes, nada mudou em relação à última reunião do bloco, na semana passada. Na próxima sexta-feira, às 10 horas, as lideranças dos quatro partidos vão se reunir no diretório estadual do PMDB para decidir o nome do pré-candidato do bloco.

Os nomes apresentados são o do próprio Márcio Fernandes, da deputada federal Tereza Cristina (PSB) e do presidente da Fiems (Federação da Indústria do Estado de Mato Grosso do Sul) Sérgio Longen.

A deputada Tereza Cristina admitiu nesta segunda-feira, durante evento na Governadoria, ter recebido o convite para que o médico Ricardo Ayache composse a chapa de Rose Modesto, mas disse que sua prioridade seria a formação do bloco com o PMDB.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions