A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 17 de Agosto de 2017

28/03/2017 15:34

Bancada federal de MS destinará R$ 15,8 milhões para assentamentos rurais

Os recursos serão empregados na compra de trator agrícola e implementos para 77 assentamentos de trabalhadores no Estado

Lucas Junot
Senadores e deputados se reuniram em Brasília para discutir investimentos no Estado (Foto: Luís Carlos Campos Sales/ACS senador Moka)Senadores e deputados se reuniram em Brasília para discutir investimentos no Estado (Foto: Luís Carlos Campos Sales/ACS senador Moka)

Parlamentares de Mato Grosso do Sul decidiram, nesta terça-feira (28), em Brasília, que destinarão R$ 15,8 milhões para compra de trator agrícola e implementos para 77 assentamentos de trabalhadores rurais no Estado.

Os três senadores e os oito deputados federais vão definir quais localidades serão contempladas com os equipamentos. Os recursos de R$ 14,8 milhões são oriundos do Ministério da Agricultura e da Sudeco (Superintendência de Desenvolvimento do Centro-Oeste), com R$ 1,5 milhão de contrapartida do governo estadual.

O conjunto é composto de trator agrícola, arado, grade niveladora, distribuidor de calcário, entre outras máquinas. De acordo com o senador Waldemir Moka (PMDB), líder da bancada federal, os equipamentos vão ser utilizados para limpeza e nivelamento de áreas para lavouras e aberturas de covas para plantio de sementes de espécies frutíferas.

Dourados - Na reunião, senadores e deputados discutiram estratégia para liberação de R$ 35 milhões ao IMC (Instituto da Mulher e da Criança), área a ser construída ao lado do Hospital Universitário de Dourados.

O deputado federal Geraldo Resende (PSDB) expôs a situação do projeto e pediu apoio da bancada. "Estamos todos de acordo e vamos buscar os recursos necessários para essa obra, que atenderá não só Dourados, mas toda a região", afirmou Moka.

Além de Moka e Resende, participaram da reunião os senadores Simone Tebet (PMDB) e Pedro Chaves (PSC) e os deputados Luiz Henrique Mandetta (DEM) e Tereza Cristina Corrêa da Costa (PSB). Os demais parlamentares enviaram representantes.

Ainda tem o que entregar sobre Michel Temer em delação, diz Funaro
O corretor de valores Lúcio Bolonha Funaro, preso na Papuda, em Brasília, disse nesta quarta (16) que "ainda tem" o que entregar sobre o presidente M...
Sem consenso, Câmara adia votação da reforma política
Sem consenso e diante de muita polêmica, o plenário da Câmara dos Deputados adiou na noite desta quarta-feira (16) a votação do texto-base de parte d...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions