A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

18/01/2013 10:29

Bernal defende atual sede da Câmara, mas descarta pagar dívida

Fabiano Arruda e Paula Vitorino
O prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal, na chegada de encontro de prefeitos. (Foto: Rodrigo Pazinato)O prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal, na chegada de encontro de prefeitos. (Foto: Rodrigo Pazinato)

O prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), voltou a falar sobre a situação da atual sede da Câmara Municipal, que sofre ação judicial e corre risco de despejo. Nesta sexta-feira, ele sinalizou que deseja manter os vereadores no prédio, no entanto, negou que vá pagar a dívida milionária.

“Se não for possível mantê-los no local, vamos transferir para outro porque não vou pagar R$ 11 milhões de aluguel atrasado, pois a Câmara tinha orçamento para fazer e não fez”, afirmou.

“E não vou fazer a desapropriação: R$ 30 milhões que estão sendo noticiados (valor estimado cobrado pela Haddad Engenheiros Ltda) num momento de crise, que precisa de dinheiro para saúde e outros setores”, completou.

Bernal acenou novamente a possibilidade de transferir a sede do Legislativo para a antiga rodoviária, contudo, acrescentou que ordenou a Planurb (Instituto Municipal de Planejamento Urbano) estudar outros locais.

Ao falar sobre o assunto, o prefeito aproveitou para fazer críticas às gestões anteriores e culpou o PMDB pelo problema. Ele ainda fez um paralelo da inadimplência com o aumento de salário dos parlamentares aprovado no fim do ano passado.

“Assumi a Prefeitura, sou prefeito e vou resolver este problema. A Câmara Municipal não tem personalidade jurídica para se defender e já determinei um advogado para isto”, disse o progressista, acrescentando que vai buscar “a melhor alternativa para um local definitivo”.

Manter os vereadores no atual endereço não será tarefa fácil. Dois dos três desembargadores da ação que pede o despejo dos parlamentares, movida pela Haddad Engenheiros, já deram voto favorável ao despejo. O julgamento da ação ocorre no próximo dia 29.



Esta de parabéns o prefeito Bernal. E para a coisa ficar melhor ainda, seria bom que ele fizesse uma audiência pública para tratar essa questão. Com absoluta certeza, nós, que ao final pagamos as contas, optaríamos pelo aproveitamento do prédio da antiga rodoviária.
 
Fernando Silva em 18/01/2013 21:49:25
a velha rodoviária ta de bom tamanho para quem vai duas vezes por semana para não fazer nada agora querem luxo e não pagar assim até eu,quero ver se fosse eu deixar de pagar as prestações do meu apartamento da HEMA A CAIXA ME COBRA E FALA EM DESPEJO SE EU NÃO PAGAR TAXAS ATRASADAS
 
claudinei braz em 18/01/2013 11:35:50
Bernal, coloque os vereadores, os quais, com raras exceções, só se preocupam em conceder títulos honoríficos, na antiga estação rodoviária. Para quem não faz nada e ganha uma fortuna, tá bom demais.
 
Alberto Gaspar em 18/01/2013 11:27:53
manda esta cambada que nao faz falta para nada... são um completo desperdício de dinheiro publico... para debaixo da ponte.. para a antiga rodoviaria... para .......... tambem...
 
Renato Dutra em 18/01/2013 11:07:19
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions