A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 17 de Agosto de 2017

03/05/2016 09:26

Bernal diz que sindicato utiliza greve para fazer campanha eleitoral

Mayara Bueno e Alberto Dias
Prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP). (Foto: Alberto Dias)Prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP). (Foto: Alberto Dias)

“Estamos dispostos ao diálogo”, disse o prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), a respeito da greve dos professores da Reme (Rede Municipal de Educação), nesta terça-feira (3).

Bernal atribui à uma tentativa de campanha eleitoral a condução da paralisação por parte do presidente da ACP (Sindicato dos Profissionais em Educação Pública), Lucílio Nobre.

“O que eu vejo, por parte dele, é uma campanha eleitoral para a candidata dele, que é a Rose”. O prefeito se refere à vice-governadora, Rose Modesto, pré-candidata a prefeita da Capital pelo PSDB.

Questionado sobre a negociação salarial, Alcides Bernal ainda falou que já conversou por diversas vezes com a categoria e mantém o diálogo. “Enviei um projeto em separado para a Câmara, dando a demonstração clara que estamos dispostos ao diálogo”, diz.

Na semana passada, a Prefeitura enviou um novo projeto de reajuste de 2,79% para todos os servidores municipais e, especificamente, para os professores, foi encaminhado uma proposta para discutir o cumprimento da Lei 5411/2014, conhecida como “Lei do Piso” para o magistério.

Por sua vez, os docentes seguem com o pedido de reajuste de 11,36%, além dos 13,01% referentes ao ano de 2015. Bernal havia enviado à Câmara um projeto com índice de 9,57%, mas os vereadores rejeitaram a proposição, já que na ocasião os servidores pediam por mais.

Acontece que, em virtude da legislação eleitoral, o município não pode mais dar o primeiro índice apresentado, por isso, abaixou para os 2,59%, referente à inflação do período. A reportagem tentou contato com a vice-governadora, mas não obteve retorno.

Após baixa adesão à greve, professores vão à Câmara discutir reajuste
Professores em greve se preparam para ir até a Câmara Municipal de Campo Grande, às 9 horas, para conversar com os vereadores, a respeito do projeto ...
Agentes mantêm greve e decidem encaminhar contraproposta ao governo
Os agentes penitenciários decidiram manter indicativo de greve durante assembleia na tarde desta segunda-feira (2).A categoria não aceita proposta de...
Sem acordo, professores em greve vão à Câmara pedir ajuda aos vereadores
Apesar da baixa adesão, a greve dos professores da rede municipal de Campo Grande seguirá nesta terça-feira (3) com visita dos docentes à Câmara Muni...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions