A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

30/11/2015 12:48

Bernal diz que vai ao Gaeco apresentar provas de novo golpe político

Antonio Marques
O prefeito mostra uma fotografia a jornalistas e diz que vai entregá-la no Gaeco, por ser prova contra novo golpe para tirá-lo da prefeitura (Foto: Antonio Marques)O prefeito mostra uma fotografia a jornalistas e diz que vai entregá-la no Gaeco, por ser prova contra novo golpe para tirá-lo da prefeitura (Foto: Antonio Marques)

O prefeito Alcides Bernal (PP) afirmou nesta manhã que vai ao Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado) apresentar as provas de que ele seria vítima de novo golpe dos vereadores para tirá-lo do cargo. O prefeito mostrou fotografia aos jornalistas nesta manhã em que há mensagem no aplicativo WhatsApp em que é descrito “Bernal roda e João assume”.

Há dias que o prefeito Bernal tem declarado que há novo golpe político sendo arquitetado nas redes sócias para derrubá-lo. Hoje, ao final do evento de inauguração do novo pavilhão do Centro de Especialização em Reabilitação da APAE (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais), ao ser questionado se ele acreditava mesmo nesta possível conspiração, ele foi incisivo em responder que “é um fato real. Acredito e tenho provas, inclusive, fotográficas e declarações escritas de pessoas ligadas a Gilmar Olarte e alguns vereadores”, afirmou, pedindo ao chefe de gabinete Odimar Luis Marcon, uma das várias fotografias em um envelope pardo.

Bernal mostrou rapidamente uma fotografia aos jornalistas em que é possível ver a mão de uma mulher mostrando uma mensagem que teria recebido com a seguinte frase: “Concluída a eleição, Bernal roda e João Rocha assume”. Ainda é possível observar o nome abaixo da mensagem “Picarelli & Magali”, mas não é possível ter certeza que o celular seria da vereadora Magali Picarelli.

Bernal ainda disse que um jornalista e ex-assessor de Gilmar Olarte falou claramente que o “João Rocha assumiu para depois virar prefeito. Isso é claro. Ele fala, ele tem informações e tem vínculos com Gilmar Olarte e com os vereadores que fizeram parte do governo do Olarte”, declarou o prefeito.

“Se Mário César que é investigado não podia ser presidente, como pode o João Rocha, que também é investigado ser presidente”, questionou Bernal, acrescentando que vai hoje à tarde conversar com João Rocha na Câmara Municipal. “Não vou tratar disso com João Rocha, minha conversa com ele é institucional e não pessoal”, adiantou o prefeito.

O prefeito disse que não poderia disponibilizar a fotografia à imprensa porque antes iria entregar ao Gaeco, ainda na tarde de hoje.

O Campo Grande News tentou falar com a vereadora Magali, para saber se o celular da fotografia seria o dela, mas deu mensagem de caixa postal.

Bernal mostra rapidamente a fotografia que com mensagem de WhatsApp em um celular em que diz que ele vai rodar (Foto: Antonio Marques)Bernal mostra rapidamente a fotografia que com mensagem de WhatsApp em um celular em que diz que ele vai rodar (Foto: Antonio Marques)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions