A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

02/04/2016 12:25

Bernal prepara reforma administrativa com a saída de secretários

Paulo Yafusso
Prefeito Alcides Bernal só deve falar sobre a saída dos secretários na segunda-feira (Foto: Lauro Burke)Prefeito Alcides Bernal só deve falar sobre a saída dos secretários na segunda-feira (Foto: Lauro Burke)

As eleições deste ano vai levar o prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), a promover uma mini-reforma administrativa, com a desincompatibilização de vários secretários que pretendem disputar uma vaga na Câmara Municipal. As exonerações serão publicadas no Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande) de segunda-feira (4), mas na sexta-feira já ocorreram as desincompatibilizações por causa da legislação eleitoral.

Evasivo, Paulo Pedra, que deixou a Secretaria de Governo, disse apenas que além dele, deixam a administração de Bernal os secretários Ivandro Fonseca (Saúde), Ricardo Ballock (Administração), Wilton Edgard Acosta (Juventude) e Dharleng Campos de Oliveira (Desenvolvimento Econômico, Turismo, Ciência e Tecnologia). Como Pedra teve o mandato de vereador cassado pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral) no fim do ano passado, ele corre o risco de não conseguir viabilizar a candidatura, já que a decisão o torna inelegível por 8 anos. Ele entrou com recurso, que ainda não foi julgado.

Paulo Pedra afirmou que somente Alcides Bernal poderá falar sobre como serão feitas as substituições. Se vai aproveitar técnicos dos quadros da Prefeitura, ou se vai negociar com os partidos com assento na Câmara de Vereadores. O prefeito não atendeu as ligações. A assessoria dele informou que Bernal só deve falar sobre o assunto na segunda-feira.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions