A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 24 de Setembro de 2017

08/08/2017 18:17

Câmara revoga lei que permitia operação tapa-buraco somente das 20h às 4h

Richelieu de Carlo
Vereadores discutem revogação da lei. (Foto: Izaías Medeiros/CMCG)Vereadores discutem revogação da lei. (Foto: Izaías Medeiros/CMCG)

Os vereadores da Câmara de Campo Grande revogaram a lei municipal que permitia equipes de realizarem operações tapa-buraco em ruas e avenidas com grande fluxo de veículos somente entre às 20h e 4h.

A legislação foi promulgada pelo Legislativo da Capital em novembro de 2016, após ser vetada totalmente pelo ex-prefeito Alcides Bernal (PP) no dia 19 de setembro. Em outubro, o veto foi rejeitado e o projeto virou a lei 5.757, conforme publicado no Diário Oficial de Campo Grande.

Os vereadores decidiram voltar atrás e aprovaram na sessão desta terça-feira (8) o projeto, de autoria do vereador Vinicius Siqueira (DEM), que revogou a lei municipal.

Segundo Siqueira, a justificativa do projeto é que o intuito da operação tapa-buraco é amenizar a situação caótica que se instaurou no trânsito de Campo Grande devido ao grande número de buracos no asfalto.

Contudo, a lei limitava o horário que permitia a manutenção asfáltica em determinadas ruas da Capital, o que acarretava no retardamento dos trabalhos.

"Eu acredito que é mais perigoso deixar a rua esburacada com motoqueiros caindo e causando acidentes do que gerar um pouquinho de incômodo para agilizar a operação tapa-buraco", defendeu Siqueira.

A revogação foi aprovada em regime de urgência por unanimidade.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions