ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUARTA  28    CAMPO GRANDE 29º

Política

Candidatos sul-mato-grossenses já arrecadaram quase R$ 130 milhões

Soma leva em conta doações de pessoas físicas e fundo partidário

Jéssica Benitez | 14/09/2022 16:31
Candidatos prestaram contas à Justiça Eleitoral (Foto Divulgação)
Candidatos prestaram contas à Justiça Eleitoral (Foto Divulgação)

Primeira parcial da prestação de contas de campanha revelou que os quase 600 candidatos de Mato Grosso do Sul já arrecadaram R$ 129,6 milhões até o momento. Deste total, R$ 116,4 milhões vêm de recursos públicos, proveniente do Fundo Partidário e Fundo Especial de Financiamento, além de R$ 13,1 milhões de fontes privadas, oriundos de doações de pessoas físicas, incluindo os próprios postulantes.

Nomes que disputam uma cadeira na Assembleia Legislativa receberam R$ 4,9 milhões de receitas privadas, já os que postulam vaga para deputado federal conseguiram R$ 3,6 milhões, candidatos ao Governo do Estado têm R$ 2,1 milhões e concorrentes ao Senado somam R$ 719 mil.

Quando o assunto é o montante originário do Fundo Partidário e Fundo Especial de Financiamento o cenário muda. Lideram o ranking os candidatos a deputados federais com R$ 34,7 milhões, seguidos pelos postulantes a governador que receberam juntos R$ 23,5 milhões. Aos que tentam eleição para deputado estadual foram destinados R$ 23,3 milhões e ao Senado 8,2 milhões.

Nacional – De acordo com o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) 85,8% dos candidatos enviaram dentro do prazo a primeira parcial da prestação de contas de campanha. Eles tinham até às 23h59 desta terça-feira para enviar os dados.

As informações enviadas tinham que detalhar a movimentação financeira e/ou estimável em dinheiro ocorrida de 16 de agosto a 8 de setembro.

Nos siga no Google Notícias