ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, SEXTA  14    CAMPO GRANDE 22º

Política

Ciro Gomes diz que vinda de Odilon fortalece PDT em MS e no País

Juiz federal confirmou neste sábado (11) pré-candidatura ao governo estadual ano que vem

Por Mayara Bueno e Mirian Machado | 11/11/2017 12:49
Ciro Gomes, em convenção do PDT em Campo Grande. (Foto: André Bittar).
Ciro Gomes, em convenção do PDT em Campo Grande. (Foto: André Bittar).

Em Campo Grande para o anúncio oficial da candidatura de Odilon de Oliveira ao governo de Mato Grosso do Sul, o ex-ministro Ciro Gomes (PDT) afirmou que a vinda do juiz federal fortalece o partido em todo o País.

O evento ocorreu na manhã deste sábado (11) no Ondara Palace e reuniu os presidentes do PDT nacional e estadual, Carlos Lupi e Dagoberto Nogueira, além de outros políticos.

"Eu só tenho pena que o Brasil não tenha 10 'odilons'. No sentido de devotar sua vida, correndo riscos pessoais e familiares para bem servir o povo brasileiro. Precisamos devolver estes valores à politica, decência e compromisso popular".

Pré-candidato à presidente da República, Ciro avalia a vinda de Odilon de Oliveira para o PDT como impulsionamento do partido. "Nós rapidamente passaremos a ser o principal partido de Mato Grosso do Sul. Fortalecemos o partido não só aqui, mas no País".

Durante o evento, o juiz confirmou sua candidatura: "aceito o desafio". Odilon tem 68 anos e se aposentou como juiz federal, cargo que ocupou por 30 anos, em meados de outubro, justamente para disputar a eleição de 2018. Em discurso, afirmou que escolheu o PDT por se tratar de um partido sem envolvimento com escândalos envolvendo corrupção "de um modo geral", como Lama Asfáltica, Lava Jato e JBS.