A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

17/05/2013 15:42

Comissão entregará relatório de oitiva ao TCE na próxima quarta-feira

Jéssica Benitez

A presidente da Comissão Permanente de Orçamento e Finanças, vereadora Grazielle Machado (PR), deve entregar o relatório da oitiva feita com os secretários Municipais, Wanderley Ben Hur (Planejamento, Finanças e Controle) e Gustavo Freire (Receita) ao presidente do TCE (Tribunal de Contas do Estado) conselheiro Cícero de Souza, na próxima quarta-feira às 14h30.

No documento consta a conclusão da comissão acerca de remanejamentos orçamentários feitos pelo prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP). Segundo avaliação da pasta, houve ilegalidade nos remanejamentos já que eles foram realizados sem autorização legislativa. A irregularidade cometida pelo progressista abre possibilidade de cassação do seu mandato.

"O relatório foi estudado exaustivamente pela Comissão e concluímos que houve ilegalidade praticada pelo chefe do Executivo. Foram seis decretos ilegais, o último três dias antes da nossa oitiva. Houve improbidade administrativa e agora vamos encaminhar ao TCE para avaliação dos conceitos de remanejamento e suplementação. Estamos cumprindo a prerrogativa do vereador que é fiscalizar. A população nos cobra essa conduta", resumiu.

O relatório possui 18 páginas e foi elaborado pelo vereador e vice-presidente da comissão, Flávio César (PTdoB). O presidente da Câmara Municipal da capital, vereador Mario Cesar (PMDB), acompanhará Grazielle, mas a vereadora estendeu o convite aos demais pares.

“Tendo o parecer, ao tempo do TCE, vamos reunir todos os vereadores para decidir o que fazer. Se o secretário Wanderlei Ben Hur estiver correto, vamos acatar, sem problema nenhum. O presidente da Câmara vai nortear o que a Casa vai fazer, já que nunca houve algo parecido”, finalizou a presidente.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions