A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 26 de Abril de 2018

06/08/2013 16:23

CPI quer de ministro plano para combater desvio de verba em hospitais

Lidiane Kober

Além de reivindicar mais verba federal, a CPI da Saúde vai apelar, nesta terça-feira (6), ao ministro Alexandre Padilha (PT-SP) por um plano de ação para combater o desvio de verba pública em hospitais de Mato Grosso do Sul. Após percorrer instituições de saúde, parlamentares concluíram que o principal problema do setor é a má gestão dos recursos e a falta de dinheiro.

“Vamos pedir para o ministro apontar caminhos para iniciarmos uma nova política na administração dos hospitais, com um controle maior das ações para evitar o desvio de recursos do SUS (Sistema Único de Saúde)”, disse o deputado estadual Amarildo Cruz (PT), presidente da CPI da Saúde.

Em março deste ano, a Polícia Federal desmontou, por meio da Operação Sangue Frio, esquema de desvio de verba pública nos Hospitais do Câncer e Universitário. As irregularidades viraram manchete de jornais nacionais e levaram o Ministério da Saúde a realizar força-tarefa no Estado.

Ainda no encontro com Padilha, os membros da CPI vão relatar as investigações e solicitar informações do ministério para confrontar dados apurados com secretários municipais, estadual e gestores de hospitais do Estado.

Além de Amarildo, estão em Brasília o deputado estadual Júnior Mochi (PMDB), relator da CPI da Assembleia, e os vereadores Flávio César (PTdoB) e Carla Stephanini (PMDB), integrantes da CPI da Saúde, instaurada na Câmara



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions