A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

01/10/2009 08:47

Deputado contesta informações da Transparência Brasil

Redação

O deputado estadual Youssif Domingos (PMDB) contesta informações da organização não-governamental Transparência Brasil, que divulgou pesquisa sobre a irrelevância de projetos apresentados em Assembleias Legislativas do País.

O líder do governo na Assembleia é apontado como recordista, com mais de 400 projetos irrelevantes nesta legislatura.

"Nem a Assembleia inteira mandou tudo isso", reclama o peemedebista.

Segundo ele, existe uma limitação a esse tipo de proposta, que fixa em 7 o número máximo de apresentações ao ano de homenagens. Já a Transparência afirma que não é só esse tipo de proposta que é levada em conta, mas todas as indicações feitas pelos deputados, inclusive, as solicitações de sessão solene.

Youssif garante que já solicitou correção aos responsáveis pela Transparência. Por meio da assessoria, o parlamentar pediu providência ao diretor de Planejamento, Fabiano Angélico.

Nas contas dele, neste mandato foram apresentadas 27 propostas, apenas 13 delas são homenagens.

Ele cita como projeto de relevância o que obriga o Estado a convocar todos os aprovados em concursos públicos. "Inclusive foi reproduzido em outros estados", comenta.

Youssif garante que foram apresentados 11 projetos de lei, 13 resoluções, 2 emendas e 1 decreto legislativo.

O deputado ataca a ONG. "Não tem credibilidade, me admira um site como o Campo Grande News usar essa fonte".

Apesar das reclamações de Youssif, no Brasil os principais jornais ainda utilizam a organização como fonte. Só em setembro, a Folha de São Paulo e o Estadão usaram dados de pesquisas da Transparência Brasil em 3 ocasiões.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions