A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 24 de Setembro de 2018

06/03/2018 12:47

Deputados mantêm vetos do governo e arquivam quatro projetos de leis

Entre as proibições estão a medida que previa marcação de exames e diferenciação de preços de combustíveis

Mayara Bueno
Deputados durante a sessão de hoje na Assembleia Legislativa. (Foto: Victor Chileno/ALMS).Deputados durante a sessão de hoje na Assembleia Legislativa. (Foto: Victor Chileno/ALMS).

A Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul manteve os vetos a quatro projetos de leis, durante a sessão desta terça-feira (dia 6). Com a medida, as propostas são arquivadas.

As proibições às propostas são do Executivo estadual. Aos parlamentares, cabe a escolha por manter ou derrubar os vetos. 

Um dos vetos mantidos é ao projeto que previa o "Programa Terapia Floral Integrativa e/ou Complementar ao Bem Estar e à Saúde". A medida foi apresentada pelo deputado Paulo Siufi (MDB).

Também foi mantida a proibição ao projeto que estabeleceria medidas de proteção ao consumidor na publicidade de combustíveis, quando os preços para pagamento de dinheiro, cartão de débito ou crédito são diferentes. Neste caso, o veto foi parcial. O projeto é do deputado Renato Câmara (MDB).

Proposta de Márcio Fernandes (MDB), a medida que previa o uso de aparelho celular em UTIs (Unidade de Terapia Intensiva) neonatais no Estado, teve o veto mantido pelos parlamentares.

Por fim, foi arquivado o projeto de lei que obrigava a marcação de exames para pessoas com mais de 60 anos nas unidades de saúde do governo estadual. A proposta era dos deputados Antonieta Amorim (MDB), Beto Pereira (PSDB) e Renato Câmara.

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions