A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 20 de Abril de 2018

03/09/2009 11:34

Dourados paga aluguel de equipamento que não existe

Redação

A Prefeitura de Dourados paga desde 2007 R$ 55 mil por mês à família Uemura pelo aluguel de equipamentos e instrumentos do antigo Hospital Santa Rosa, utilizados atualmente no Hospital da Mulher. Entretanto, nem todos os equipamentos listados no inventário feito em 2007, quando o contrato foi assinado, foram encontrados pela auditoria do Ministério da Saúde. Outros estão em desuso, no depósito do próprio hospital.

Conforme o relatório da auditoria, 124 itens, avaliados em R$ 95,7 mil, foram encontrados em desuso no depósito, no setor de manutenção e no almoxarifado. "A Secretaria Municipal de Saúde de Dourados desembolsa recursos sem que a população usuária do SUS seja beneficiada. Somados os equipamentos em desuso com os equipamentos não localizados na 1ª e 2ª verificação in loco, esse total chega a R$ 144.802,00", afirma o relatório dos auditores, cuja cópía foi entregue ao Campo Grande News.

A auditoria não conseguiu localizar 74 unidades de equipamentos, que totalizam R$ 49,1 mil. Entre os equipamentos "desaparecidos" estão um berço aquecido com sensor, oxímetro de pulso, um armário em mogno e um monitor cardíaco.

Os auditores constataram que até o valor do gerador de energia do hospital foi superfaturado. O grupo gerador foi avaliado em R$ 100 mil. Pesquisa de preço feita pelos auditores em lojas de Dourados encontrou equipamento semelhante por R$ 33.700,00.

Houve cobrança indevida por parte dos proprietários do Hospital Santa Rosa, com concordância da prefeitura, até mesmo sobre os cilindros de oxigênio. A prefeitura paga R$ 400 por mês pela utilização dos cilindros. Só que a empresa fornecedora de oxigênio cede os equipamentos sem cobrar nenhum centavo. Nos cinco anos de vigência do contrato, a prefeitura pagará R$ 24 mil por cilindros que são fornecidos de graça ao Hospital Santa Rosa.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions