A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

21/07/2012 09:04

Em Campo Grande, decreto determina corte de 20% nas despesas públicas

Marta Ferreira e Fabiano Arruda
O prefeito Nelson Trad Filho, que determinou corte de despesas em todas as áreas. (Foto: Pedro Peralta) O prefeito Nelson Trad Filho, que determinou corte de despesas em todas as áreas. (Foto: Pedro Peralta)

O prefeito de Campo Grande, Nelson Trad Filho (PMDB), informou nesta manhã que foi assinado ontem, para publicação na segunda-feira, decreto determina corte de despesas em todos os setores da prefeitura. A meta, na administração municipal, é a mesma já anunciada pelo Governo do Estado: economizar 20%.

De acordo com o prefeito, um dos principipais motivo é a queda no repasse do FPM (Fundo de Participação dos Municípios), feito pelo Governo Federal. A afirmação foi feita durante evento no Sebrae, nesta manhã.

Em julho, segundo divulgou a CMN (Confederação Nacional de Municípios (CNM) houve queda de 5,8% no valor transferido menor que o mesmo período do ano passado.

Segundo o Nelsinho afirmou esta manhã, só vão ficar livres da obrigação de cortar despesas os projetos da área social. Ele explicou que a orientação é reduzir, por exemplo, os gastos que são fixos, como energia, água e telefone.

No Governo do Estado, o corte de gastos foi determinado esta semana, após reunião de todo o secretariado.



Os grandes veiculos de comunicação diz que a Grecia esta em apuros financeiros e, para equilibrar suas finanças é preciso um Plano de Austeridade;na America do Sul, a Argentina também da sinais de que as coisas não estão indo bem por lá;e o Brasil começa a mecher-se com cortes,aqui e ali e,advinhem que são os maiores atingidos toda vez que se fala em plano de austeridades,cortes de despesas...
 
Fernando Dias em 21/07/2012 10:08:32
assim o asfalto do bairro Nova Lima não saí mais uma vez...
 
José Silva em 21/07/2012 09:37:26
Infelizmente o corte de 20% nada tem a ver com a queda do repasse do FPM. Vejam que, coincidentemente, o corte acontece justamente na época eleitoral. Entendam como quiserem.
 
Paulo Miranda em 21/07/2012 09:36:10
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions