A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

13/07/2009 08:00

Em crise, Câmara de Dourados 'limpa' pauta hoje

Redação

Em meio a uma crise política iniciada com a prisão de três vereadores na semana passada, durante a "Operação Owari" da Polícia Federal, a Câmara de Dourados faz na noite desta segunda-feira a última sessão ordinária do primeiro semestre. De quarta-feira até o dia 2 de agosto, os 12 vereadores de Dourados estarão em recesso.

Até agora não houve um pronunciamento oficial da mesa diretora da Casa sobre a prisão do presidente do Legislativo, Sidlei Alves (DEM), do primeiro-secretário Junior Teixeira (PDT) e do vereador Paulo Henrique Bambu (DEM), detidos terça-feira passada pela PF junto de outras 39 pessoas. Os vereadores são acusados de pertencer à organização criminosa chefiada pelo empresário Sizuo Uemura.

Segundo a PF, a quadrilha agia em Dourados, Ponta Porã e Naviraí, corrompendo servidores públicos para fraudar processos de licitação e dessa forma assumir o monopólio de serviços públicos.

Em Dourados, as empresas de Sizuo Uemura detêm o controle de serviços funerários, fornecimento de medicamentos à saúde pública, aluguel e venda de veículos para a prefeitura.

Sidlei e Bambu saíram na quarta-feira beneficiados por habeas corpus do desembargador Claudionor Abss Duarte, do TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul). Junior Teixeira também recebeu habeas corpus, mas ficou preso até a sexta-feira no presídio de Dourados por ter sido autuado também por posse ilegal de arma. A PF encontrou pelo menos duas armas em sua casa, durante a operação.

Volta ao trabalho-Na sessão de hoje à noite os vereadores devem "limpar" a pauta antes de sair de férias. Deve ser concluída hoje a votação da LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) para 2010. Segundo a assessoria da Câmara, será a terceira e última votação da LDO, aprovada por unanimidade nas duas primeiras votações.

O texto original do executivo recebeu seis emendas, apresentadas pelos vereadores Délia Razuk (PMDB), Cláudio Marcelo Hall (PR), Dirceu Longhi (PT) e Gino Ferreira (DEM).

Justiça marca para 20 de fevereiro interrogatório de Lula na Zelotes
A Justiça Federal em Brasília marcou para o dia 20 de fevereiro de 2018 os interrogatórios do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e de seu filho ...
Senado aprova desconto de dívidas de produtores rurais e texto segue para sanção
O Senado concluiu a votação, nesta quinta-feira (14), do projeto que permite a renegociação das dívidas de produtores rurais, estabelecendo descontos...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions