A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

20/09/2013 10:07

Empresário diz que pensou em doente ao pagar valor maior à empresa

Edivaldo Bitencourt e Mariana Lopes
Plenarinho lotado acompanha acareação na CPI da Saúde (Foto: Mariana Lopes)Plenarinho lotado acompanha acareação na CPI da Saúde (Foto: Mariana Lopes)

Em depoimento na CPI da Saúde da Câmara Municipal, na manhã desta sexta-feira, o ex-diretor do Conselho Curador da Fundação Carmem Prudente, o empresário Brenner Zan, afirmou que pensou nos doentes com câncer para firmar contrato com valor acima do mercado. Ele participa de acareação com o ex-presidente e o atual presidente do Hospital do Câncer, respectivamente, Adalberto Siufi e Carlos Coimbra.

O empresário confirmou que foi o único a assinar um contrato de R$ 200 mil com a Mafra para a distribuição de medicamentos. O valor é de R$ 200 mil por mês. Zan confirmou que foi o único a assinar o contrato. Além destacar que pensou nos pacientes com a câncer, ele justificou que não se lembrava porque foi o único a assinar o contrato, enquanto o estatuto prevê, no mínimo, dois conselheiros.

Ele também não soube explicar de quanto era o desconto dado pela empresa. O vereador Marcos Alex (PT) ressaltou que não há nenhum deságio previsto no contrato.

“Não estamos falando de intenções, mas de saúde”, destacou o presidente da comissão, Flávio César (PTdoB).



Esse não é aquele que fico uns 15 anos apenas com uma ¨LOJA¨ e que depois dessa MAMATA, cresceu e apareceu, e até em Dourados abriu uma loja.
 
Itamar Fernandes em 20/09/2013 19:29:06
Toma vergonha na cara Sr. Zan
 
Carlos Magno em 20/09/2013 12:29:19
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions