A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 17 de Agosto de 2017

12/11/2014 08:19

Equipe de transição começa trabalhos em reunião na Setas

Leonardo Rocha
Equipe de transição começa atividades na Setas (Foto: Marcelo Calazans)Equipe de transição começa atividades na Setas (Foto: Marcelo Calazans)

A equipe de transição do governador eleito, Reinaldo Azambuja (PSDB), irá realizar hoje (12), a partir das 14h, reunião com integrantes do executivo estadual, para fazer o levantamento de dados e informações da Setas (Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social).

O coordenador da equipe de Reinaldo, Ednei Marcelo Miglioli, afirmou que neste encontro na Setas, irão participar aqueles integrantes que ficaram responsáveis por levantar as informações sobre a pasta. "Será a primeira reunião de trabalho entre as equipes para sabermos as informações da Assistência Social, vou participar deste trabalho a tarde", destacou ele.

Marcelo contou que ontem (11) se reuniu com a secretaria estadual de Administração, Thie Higushi, que chefia a equipe do governo estadual, para discutirem como vai funcionar o trabalho e as datas que serão feitos os encontros entre as comissões. "Ficou decidido que vamos fazer o trabalho secretaria por secretaria, de forma individual", explicou.

A equipe de Azambuja possui 15 integrantes, entre eles: Ademar da Silva Junior, Alessandro Menezes de Souza, Athayde Nery, Carlos Alberto de Assis, Eduardo Côrrea Riedel, Felipe Mattos, João Bosco de Castro Martins, Luiz Alberto de Oliveira Azevedo, Marcio Monteiro, Marcia Cecília Amendola, Nelson Barbosa Tavares, Rose Modesto, Sérgio de Paula, Sílvio Cesar Maluf e o coordenador Ednei Marcelo Miglioli.

Já o grupo de trabalho de Puccinelli para articular este trabalho é composto por Thie Higushi, que irá chefiar a equipe, do assessor jurídico da Casa Civil, Carlos Roberto de Marchi, o Neno, assim como do diretor geral de Orçamento da Semac (Secretaria Estadual de Meio Ambiente, de Planejamento, de Ciência e de Tecnologia), Nelson Shiguenori Tshushima e do secretário-adjunto da Sefaz, André Cance.

Ainda tem o que entregar sobre Michel Temer em delação, diz Funaro
O corretor de valores Lúcio Bolonha Funaro, preso na Papuda, em Brasília, disse nesta quarta (16) que "ainda tem" o que entregar sobre o presidente M...
Sem consenso, Câmara adia votação da reforma política
Sem consenso e diante de muita polêmica, o plenário da Câmara dos Deputados adiou na noite desta quarta-feira (16) a votação do texto-base de parte d...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions