A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

16/03/2011 23:37

Fábio Trad apresentou consensos da Reforma Política para Michel Temer

Ítalo Milhomem

O deputado federal Fábio Trad (PMDB) esteve nesta quarta-feira, 16, no Palácio do Planalto, onde se reuniu com o vice-presidente da República Michel Temer (PMDB) para tratar de assuntos referentes a Reforma Política.

Acompanhado por outros sete deputados federais, integrantes do Movimento Afirmação Democrática, Trad apresentou ao vice-presidente os consensos do grupo a respeito da nova legislação eleitora.

“Definimos que lutaremos pelo voto distrital misto e pelo financiamento público puro. São os dois pontos em relação aos quais chegamos em consenso. Evidente que vamos obedecer a diretriz final da bancada do PMDB, mas vamos levar estas duas propostas para discussão”, afirmou o deputado sul-mato-grossense.

Para Fábio Trad há três linhas de ação que os parlamentares devem se empenhar para aprovar uma reforma que sirva ao País e não a interesses particulares ou de grupos políticos.

“Precisamos elevar a política dando-lhe um caráter de nobreza que sua essência conceitual traduz. É preciso, portanto, que esta casa seja movida por três imperativos de consciência. Primeiro: não podemos e não devemos fazer a reforma pensando nas próximas eleições, mas sim nas próximas gerações. Segundo: não podemos e não devemos fazer a reforma pensando em nossos mandatos, mas no futuro da democracia. Terceiro, não podemos e não devemos fazer a reforma pensando em nossos partidos, mas na legitimidade do sistema representativo. Se com seguirmos superar estes desafios e vencermos o casuísmo e o imediatismo, nós não daremos apenas uma lei nova ao País. Nós daremos ao Pais a oportunidade de viver uma nova cultura política e isso não é pouco”.



não podemos deixar voltar a ditadura civil agora o podre do PT quer tirar do povo o direito de saber em quem vai votar com a lista fechada.
 
abel bicheski em 18/03/2011 05:12:08
Só espero que o deputado apresente como proposta o fim da imunidade parlamentar,só assim talvez chegue ao fim tanta impunidade,que aliás é do conhecimento do povo mas a justiça não "pode' FAZER NADA DEVIDO À ESTA IMUNIDADE,
COLOQUEM OS MAUS POLÍTICOS EM SEUS DEVIDOS LUGARES #.
 
nilson franco de oliveira em 17/03/2011 12:00:39
Espero que essa reforma seja realmente dirigida ao cidadão do futuro, pois eu já não tenho motivo ára acreditar, pois os politicos só pensão neles, a fava o povo que trabalha e sofre para dar arroz e feijão para seus filhos. A falta de DEUS e a ganância vai destruir os sonhos de muitos seres humanos.
 
RONALDO ÉNEDO em 17/03/2011 01:30:48
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions