ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, SÁBADO  13    CAMPO GRANDE 17º

Política

"Feliz em me aliar a partido que apoia as mulheres", diz Rose sobre filiação

Deputada deixa os Tucanos e oficializa pré-candidatura pelo União Brasil neste sábado (12)

Por Karine Alencar | 11/03/2022 21:15
Rose Modesto, em entrevista realizada em 2018 (Foto: Paulo Francis/Arquivo)
Rose Modesto, em entrevista realizada em 2018 (Foto: Paulo Francis/Arquivo)

Na véspera do evento que legitima a filiação de Rose Modesto ao União Brasil, partido que surgiu em fusão do DEM com o PSL, a deputada que até então integra a cúpula dos tucanos (PSDB), diz estar muito contente em se unir a uma federação que apoia as mulheres.

"Fico muito feliz em ir para o maior partido do país que tem a proposta de política em unidade, com o intuito de ter uma governadora. Há mais de 20 anos nós não temos uma candidata para o cargo. Então, estamos cumprindo a missão importante em dar essa opção de escolha à população", enfatiza Rose.

Segundo a pré candidata, esse foi o motivo que a fez escolher pelo grupo liderado pelo deputado federal Luciano Bivar, tendo em vista os convites que vieram de outras bases parlamentares. "Ele entende e apoia as mulheres, gostei da visão desse partido nesse sentido e foi um dos fatores de peso para minha decisão", completa em seguida.

Nesta sexta-feira (11), o presidente do União Brasil, Luciano Bivar usou as redes sociais para dar as boas-vindas à pré-candidata pela liga. "Eu quero dar um abraço muito grande à Rose Modesto, sua filiação amanhã. Nossa futura e pré-candidata, boas-vindas! A gente aposta muito em você e na mulher brasileira. Temos certeza da sua competência e eu sei o quanto você poderá criar melhores oportunidades ao povo de Mato Grosso do Sul", disse.

O evento que marca um dos primeiros passos de Rose para colocar seu nome à disposição, será realizado neste sábado (12), às 10h no Rádio Clube, na capital Sul-mato-grossense.

Lançamento da pré-candidatura 

No último sábado (5), a deputada lançou a pré-candidatura ao governo de Mato Grosso do Sul em um evento simbólico, em Culturama, distrito de Fátima do Sul, em frente a casa onde ela nasceu. O anúncio em disputar o pleito foi feito no dia (7) de fevereiro.

 Durante sua carreira política, Rose chegou a ser vereadora de Campo Grande entre os anos de 2008 e 2012, tomou posse como vice-governadora em 2015. Já no ano seguinte, em 2016, disputou no segundo turno a prefeitura da Capital com Marquinhos Trad (PSD), mas perdeu com 41,23% dos votos.

Nos siga no Google Notícias