A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 19 de Setembro de 2018

29/01/2012 16:36

Fora da disputa, Marun prefere Giroto e Edil se diz neutro na escolha do PMDB

Wendell Reis

O secretário de Habitação do Governo do Estado, Carlos Marun, e o vice-prefeito de Campo Grande, Edil Albuquerque, não estão mais na disputa para serem pré-candidatos à prefeitura da Capital em outubro. Entretanto, acompanham de perto o processo de escolha do representante do grupo.

Em comum, os dois peemedebistas têm a afirmação de que vão apoiar o escolhido pelo grupo. Todavia, enquanto Edil prefere dizer que apoiará o escolhido pelas pesquisas, Marun não esconde a preferência pelo deputado federal Edson Giroto (PMDB).

“Hoje o mais preparado é o Giroto. É o que mais conhece e tem mais competência. Respeito os outros e estarei com eles se forem os escolhidos. Mas, hoje, torço pela candidatura de Giroto. Para que ele seja escolhido como candidato do nosso grupo”.

Edil Albuquerque afirma que decidiu recuar em detrimento de um acordo com o seu partido. Por isso, vai apoiar quem estiver melhor na pesquisa. “O que o partido definir está bom. Terá o meu apoio”. Disputam a vaga de candidato do grupo político do governador André Puccinelli (PMDB) e do prefeito de Campo Grande, Nelson Trad Filho (PMDB), o presidente da Câmara Municipal de Campo Grande, Paulo Siufi (PMDB), o deputado federal Luiz Henrique Mandetta (DEM) e o deputado federal Edson Giroto.

O PSDB chegou a ficar fora do critério de pesquisas do grupo por avaliar que Giroto é o preferido na disputa. O pré-candidato Paulo Siufi também acredita que há uma preferência por Giroto, mas espera que as pesquisas e a população lhe credenciem à disputa. Já Luiz Henrique Mandetta ainda tem a opção de se aliar ao PSDB e lançar sua candidatura, mesmo fora do grupo do governador e do prefeito.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions