A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

23/04/2012 17:42

Governador diz que orientou “seus deputados” a assinarem CPI contra Cachoeira

Fabiano Arruda e Aline dos Santos
“Vai ter muita água nesta cachoeira”, disse o governador André Puccinelli sobre CPI contra Carlinhos Cachoeira. (Foto: Minamar Junior) “Vai ter muita água nesta cachoeira”, disse o governador André Puccinelli sobre CPI contra Carlinhos Cachoeira. (Foto: Minamar Junior)

O governador André Puccinelli (PMDB), afirmou, nesta segunda-feira, que pediu aos deputados federais aliados para assinar a CPI de investigação contra Carlos Augusto de Almeida Ramos, o Carlinhos Cachoeira, acusado de ter envolvimento com jogos de azar e com políticos e autoridades públicas.

Ao comentar sobre o assunto que ganhou repercussão no País, Puccinelli brincou. “Vai ter muita água nesta cachoeira”. Além disso, mencionou que sempre priorizou sua declaração de bens e que hoje está “mais pobre”.

O governador deu a declaração sobre a orientação aos “seus deputados”, pois Marçal Filho (PMDB) e Luiz Henrique Mandetta (DEM) foram os únicos dos oito parlamentares de Mato Grosso do Sul que não assinaram.

Com isso, eles integraram grupo de outros 117 deputados e nove senadores brasileiros que não assinaram a CPI, que teve aprovação e assinaturas de quase 80% dos parlamentares em Brasília.

Ontem, os parlamentares se justificaram. Mandetta, que disse ser favorável a CPI, garantiu que foi um dos primeiros a assinar o documento e que foi pego de surpresa quando começou a ser questionado do motivo pelo qual não teria votado.

Já Marçal Filho assume que estava ausente na votação, mas justifica que no dia estava nos Estados Unidos, em missão oficial pelo congresso. Contudo, o deputado afirma que também concorda com a CPI.

Morador de MS apontado como "laranja" de empresa ligada a Cachoeira
Após irregularidades em obras de rodovias, Delta Construções é alvo de uma nova denúnciaSuspeita de irrigar o esquema de jogo ilegal liderado por Ca...
Mandetta e Marçal justificam ausência na votação da CPI contra Cachoeira
Os dois foram acusados de terem se omitido no caso, mas ambos afirmam ser a favor da CPIApós serem apontados por não terem assinado, na última quint...
Dois deputados federais do MS não assinam CPI contra Carlinhos Cachoeira
Dois deputados federais do Mato Grosso do Sul não assinaram a CPI de investigação contra Carlos Augusto de Almeida Ramos, o Carlinhos Cachoeira, acus...
Empresa ligada a Carlinhos Cachoeira tem contrato milionário em MS
Sob suspeita de irrigar o esquema de jogo ilegal liderado por Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, a empreiteira Delta Construções S/A tem co...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions