A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 23 de Agosto de 2017

30/04/2014 10:39

Intervenção de Fábio Trad garante validade de processo contra André Vargas

Francisco Júnior
Deputado foi responsável pela validade da tramitação do processo disciplinar aberto contra o ex 1º vice-presidente da Câmara, deputado licenciado André Vargas.Deputado foi responsável pela validade da tramitação do processo disciplinar aberto contra o ex 1º vice-presidente da Câmara, deputado licenciado André Vargas.

Intervenção do deputado Fábio Trad (PMDB) na reunião desta terça-feira do Conselho de Ética e Decoro Parlamentar garantiu a validade da tramitação do processo disciplinar aberto contra o ex 1º vice-presidente da Câmara, deputado licenciado André Vargas (PT-PR).

O parlamentar alertou que como Vargas não compareceu à sessão, nem enviou advogado, se abriria um franco para no futuro, uma eventual decisão do conselho, punindo o parlamentar, ser anulada sob alegação de cerceamento do direito de defesa.

Diante da manifestação de Trad, o presidente do Conselho,Ricardo Iza e o relator, deputado Júlio Delgado (PSB-MG) indicaram uma servidora da Câmara, formada em direito, para atuar como advogada dativa do deputado paranaense investigado por suas ligações com o doleiro Alberto Yussef.

Após sucessivas manobras, o Conselho de Ética da Câmara aprovou o parecer que defende a investigação do deputado licenciado André Vargas (Sem partido-PR) por sua estreita relação com o doleiro Alberto Youssef, preso por comandar um esquema bilionário de lavagem de dinheiro.

O parecer foi aprovado por unanimidade: 13 a 0. Com o aval do colegiado, abre-se a contagem do prazo de dez dias para apresentação da defesa de Vargas. O Conselho tem até o início de julho para encerrar os trabalhos e determinar se o ex-petista deve ou não ser submetido a um processo de cassação.

Votaram a favor, além de Fábio, os deputados Ronaldo Benedet (PMDB-SC), César Conalgo (PSDB-ES), Izalci (PSDB-DF), José Carlos Araújo (PSD-BA), Renzo Braz (PP-MG), Ônix Lorenzoni (DEM-RS), Marcos Rogério (PDT-RO), Félix Mendonça Júnior (PDT-BA), Junji Abe (PSD-SP), Sérgio Morais (PMDB-RS), o relator Julio Delgado.

Câmara adia de novo votação da PEC que cria distritão e fundo eleitoral
Após várias tentativas de votação nesta terça-feira (22), a análise da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 77/03, que altera o sistema político-e...
Câmara aprova parcelamento de dívidas de Estados e municípios com o INSS
A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta terça-feira, 22, em plenário, a medida provisória 778/2017, que permite Estados e municípios parcelarem...
Votação da PEC do fim das coligações será retomada nesta quarta-feira
A Comissão Especial da PEC 282/2016, que propõe o fim das coligações partidárias e estabelece cláusula de barreira, teve que suspender o processo de ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions