A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

11/01/2016 15:48

Justiça autoriza que Bumlai faça exames em hospital de Curitiba

Ricardo Campos Jr.
Bumlai é réu na Operação Lava Jato e está preso na Polícia Federal em Curitiba (Foto: Agência Brasil)Bumlai é réu na Operação Lava Jato e está preso na Polícia Federal em Curitiba (Foto: Agência Brasil)

O pecuarista sul-mato-grossense José Carlos Bumlai, preso desde novembro e réu na Operação Lava Jato, será transferido para o Hospital Santa Cruz, em Curitiba, para a realização de exames. Segundo informações da Folha de São Paulo, ele vem apresentando sangue na urina e teve a internação autorizada pelo juiz federal Sergio Moro.

Advogados do pecuarista protocolaram o pedido no domingo (10) sustentado pelo gastroenterologista Carlos de Barros Mott e pelo médico Lucas Trigo. Conforme a defesa, o réu já apresentava o sintoma antes mesmo de ser detido e não chegou a procurar atendimento médico em razão da prisão.

Bumlai será submetido a exames de urina e tomografia computadorizada. Conforme a decisão da Justiça, o deslocamento do paciente deverá ser feito entre hoje e amanhã, devendo retornar à carceragem da PF (Polícia Federal) em seguida, sendo autorizada internação em caso de urgência.

A defesa de Bumblai informou à Folha que está mantida, a princípio, a acareação entre o pecuarista e o lobista Fernando Soares, o Fernando Baiano. Os dois apresentaram depoimentos contraditórios sobre o envolvimento do ex-ministro Antônio Palocci no escândalo de corrupção da Petrobras.

Os advogados do réu também pediram autorização para que o pecuarista passe por sessões de fisioterapia em razão da osteartrose. Moro pediu que a defesa faça o requerimento à polícia para verificarem a possibilidade de o tratamento ser feito na cela.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions