A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

21/08/2012 22:59

Lewandowski crê que primeiro voto dele no mensalão use uma sessão e meia

Débora Zampier, da Agência Brasil

O ministro Ricardo Lewandowski, revisor do processo do mensalão no Supremo Tribunal Federal (STF), disse nesta terça-feira (21) que a leitura do primeiro trecho de seu voto deve demorar uma sessão e meia para terminar. O ministro, que abrirá a sessão desta quarta-feira (22) com suas considerações, falou com jornalistas durante evento no Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Sem antecipar o teor do voto, Lewandowski disse que este é um caso complexo, cheio de nuances técnicas, mas que tentará ser o mais objetivo possível e que o Tribunal “se esforçará para que o julgamento chegue a bom termo”. Ele ainda disse que seu voto é “completo e complexo” e que pretende esgotar todos os pontos apontados anteriormente pelo relator Joaquim Barbosa.

Lewandowski ainda disse que gostaria muito que o ministro Cezar Peluso votasse em todo o julgamento, mas que só a dinâmica do julgamento que dirá se ele participa ou não. Peluso se aposenta compulsoriamente no próximo dia 3 de setembro ao completar 70 anos.

De acordo com o revisor, o julgamento do mensalão será paradigmático na fixação de teses sobre lavagem de dinheiro, gestão fraudulenta de instituição financeira e formação de quadrilha. “O que for definido pela Corte criará jurisprudência e será seguido pelos outros tribunais”, adiantou o ministro.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions