A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

19/10/2009 17:57

Marina contesta índio e nega ter falado como candidata

Redação

Pré-candidata à presidência da República em 2010, a senadora Marina Silva (PV) desmentiu o líder indígena José Barbosa de Almeida, de que assumiu a candidatura e prometeu priorizar as demarcações indígenas em eventual Governo.

Por meio da assessoria, a senadora afirmou que "em nenhum momento de sua fala, ela anunciou que "a demarcação das terras dos Guarani-Kaiová será uma das prioridades de seu Governo". "Marina Silva falou claramente que não estava ali como candidato à Presidência da República", rebateu a assessoria.

Segundo Barbosa, durante a Aty Guaçu, na quinta-feira passada, a senadora teria deixado claro que é candidata a presidente e até chegou a prometer a demarcação das áreas indígenas.

A assessoria só confirmou as declarações de que ela levará as reivindicações ao presidente Lula, ao ministro da Justiça, Tarso Genro, e ao presidente da Funai, Márcio Meira.

"Destacou que foi à reunião dos guarani kaiová como senadora da República, disse que não estava ali para fazer promessas vãs e se dispôs, a encaminhar as reivindicações dos guarani kaiová, por escrito, ao Presidente Lula, pessoalmente ao ministro da Tasso Genro, da Justiça, ao presidente da Funai, assim como a defender a causa dos índios da tribuna do Senado", contou.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions