ACOMPANHE-NOS    
JANEIRO, QUARTA  19    CAMPO GRANDE 24º

Política

Marqueteiro de campanha chefiará comunicação de Marquinhos

Até agora, somente dois nomes da equipe do prefeito eleito foram anunciados

Por Mayara Bueno e Leonardo Rocha | 06/12/2016 10:42
Gildo Andrade, escolhido para ser superintendente de Comunicação (à esquerda), com o prefeito eleito, Marquinhos Trad (PSD). (Foto: Reprodução Facebook)
Gildo Andrade, escolhido para ser superintendente de Comunicação (à esquerda), com o prefeito eleito, Marquinhos Trad (PSD). (Foto: Reprodução Facebook)

Marqueteiro da campanha para prefeito de Marquinhos Trad (PSD), Gildo Andrade será o superintendente de Comunicação na gestão do novo prefeito. O nome foi confirmado e anunciado nesta terça-feira (6) pelos dois na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul.

Além de ter atuado na campanha de Trad, o superintendente trabalhou com Reinaldo Azambuja (PSDB), em 2012, quando o governador lançou candidatura à prefeito de Campo Grande, além de ter sido marqueteiro de Nelsinho Trad (PTB) e Simone Tebet (PMDB), que concorreram em 2014 para o governo e Senado.

O cargo é vinculado à secretaria de Governo. Gildo tem 46 anos, é formado de Administração com ênfase em Marketing e foi professor e coordenador do curso da Uniderp por 11 anos.

Segundo Gildo, a parte de comunicação da Prefeitura de Campo Grande foi decidida desde a campanha eleitoral deste ano. “Será informativa, com a participação da população, que poderá interagir tanto por meio do site como das redes sociais”.

Um plano de comunicação já está delineado para tal, afirma. Terá como referências os modelos utilizados pelas prefeituras de Curitiba (PR), Salvador (BA) e Porto Alegre (RS). “Mas vamos aprimorar nosso modelo aqui”.

Outro anúncio é que, na Prefeitura da Capital, o setor de comunicação unirá a parte de divulgação e propaganda das ações de governo com o Jornalismo, que engloba notícias e atendimento da imprensa.

Até agora, de oficial, Marquinhos anunciou a chefia do IMPCG (Instituto Municipal de Previdência de Campo Grande), pelo ex-deputado estadual Lauro Davi (PROS), e a superintendência de Comunicação. Adiantou também que a vice-prefeita eleita, Adriane Lopes (PEN), fará parte da gestão, mas ainda não confirmou qual secretaria.

Segundo o prefeito eleito, a capacidade técnica é o critério que norteia a escolha de toda a equipe de trabalho, e adiantou que já tem cerca de 90% do secretariado definido em sua cabeça, sem adiantar mais detalhes ou outros nomes.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário