ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SEGUNDA  26    CAMPO GRANDE 25º

Política

Ministro suspende vinda a MS para agenda no momento mais grave da pandemia

André Mendonça, da Justiça e Segurança Pública, teria roteiro de 2 dias, que envolveria centenas de pessoas

Por Marta Ferreira | 12/03/2021 12:41
André Mendonça, ministro do governo Bolsonaro, adiou visita a Mato Grosso do Sul. (Foto: Agência Brasil)
André Mendonça, ministro do governo Bolsonaro, adiou visita a Mato Grosso do Sul. (Foto: Agência Brasil)

O ministro André Mendonça, da Justiça e Segurança Pública, não vem mais a Mato Grosso do Sul nos dias 19 e 20 de março, como estava previsto até ontem, com vistas a um programação que envolveria centenas de pessoas, no momento mais severo da pandemia de covid-19.

Como levantado pelo Campo Grande News ontem, Mendonça participaria de inauguração de presídio, palestra no Tribunal de Justiça, na sexta-feira (19). No sábado iria a Dourados, faria um sobrevoo de helicóptero na região de fronteira com o Paraguai e, de volta à Capital, tinha presença confirmada em seminário promovido por lideranças evangélicas.

Hoje, a reportagem conseguiu a informação de que tudo foi adiado, inclusive a inauguração da penitenciária de segurança máxima Gameleira II, por parte do governo do Estado, em razão do cancelamento da vinda de André Mendonça.

O TJMS também anuncioua suspensão do evento, no aguardo de nova vinda do ministro. O Conselho de Pastores, responsável pelo seminário, informou que está analisando se mantém a programação ou desmarca para esperar por André Mendonça.

Uma nova data, no mínimo daqui um mês, deve ser marcada. Não foi esclarecido o motivo do cancelamento da viagem ministerial.

A comitiva do Ministério da Justiça e Segurança Pública somava 25 pessoas. Já estava em preparação a missão precursora para a viagem, com as equipes de forças de segurança responsável por assegurar a integridade do ministro. Reunião sobre isso foi realizada ontem à tarde. Só de policiais militares seriam pelo menos cem para escolta e varredura dos locais onde o ministro passaria.

(Matéria atualizada às 13h04 para acréscimo de informação)

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário