A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 23 de Setembro de 2018

26/03/2014 16:23

MPE abre quatro inquéritos para investigar ex-prefeito de Água Clara

Josemil Arruda

O Ministério Público Estadual instaurou quatro inquéritos civis públicos para apurar supostas irregularidades e ilegalidades na administração do ex-prefeito Edvaldo Alves Queiroz, encerrada em dezembro de 2012. As investigações em curso dizem respeito a licitações irregulares e até mesmo a exigência tributária tida como ilegal.

Todos os inquéritos instaurados pela promotora de justiça Ludmila de Paula Castro Silva...foram encaminhados à Câmara Municipal de Água Clara, onde já se discute a instalação de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar os atos da gestão anterior.

O Inquérito Civil nº 006/2014 foi instaurado para apurar irregularidade e ilegalidade na criação de uma taxa para manutenção do terminal rodoviário de Água Clara. Já o de número 05/2014 para apurar, no período de 2005 e 2007, denúncia de irregularidade na contratação de serviço de transporte escolar. Há três anos, o Inquérito Civil nº 01/2011 teve o mesmo propósito.

Também estão em curso os inquéritos 03/2014, que diz respeito à aquisição de medicamentos na gestão passada da prefeitura; 04/2014, sobre irregularidade em licitação para aquisição de cestas básicas; e 07/2014, quanto à contratação de dois hotéis pelo municípios nas duas administrações de Edvado Alves Queiroz, de 2005 a 2012.

 

 

Justiça bloqueia R$ 2 mi de ex-prefeito, servidores e empresários de Água Clara
Um total de R$ 2,016 milhões em bens móveis e imóveis do ex-prefeito de Água Clara, Ésio Vicente de Matos, e outras seis pessoas, entre servidores mu...
Presidente da Câmara e líder do prefeito quase partem para briga em Água Clara
A sessão ordinária de ontem (10), na Câmara Municipal do município de Água Clara, quase termina com atos de agressão entre os vereadores Alfredo Alex...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions