A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

18/08/2009 07:05

Murilo: bloco não vai conversar com André dividido

Redação

O vice-governador Murilo Zauith (DEM) garantiu nesta manhã que o bloco formado com PPS e PSDB é "imexível" (sic) e que o governador André Puccinelli (PMDB) não poderá negociar aliança com o grupo desmembrado.

"O André tem que sentir que o bloco é importante na eleição dele. Se ele sentir, vai haver uma reunião, e ela vai ser com o bloco todo, não com partidos individuais", declarou Murilo, em entrevista à FM Capital.

Presidente regional do DEM, Murilo enfatizou que, enquanto Puccinelli fica indeciso quanto a seu posicionamento nas eleições do ano que vem, sei partido e os aliados no bloco se preparam para o pleito de 2010.

"O governador tem que conversar com nós (sic), mas ele diz que só vai conversar ano que vem. Enquanto isso, ele faz reuniões no partido dele, e logicamente que nós também estamos nos preparando e nos organizando", avisou.

Murilo disse que já foi procurado por vários partidos para discutir alianças visando as eleições de 2010, entre eles PT e PDT.

"Já conversei com o João Leite Schimidt, com o Dagoberto Nogueira, estamos trocando idéias", resumiu.

Murilo enfatizou que sua candidatura ao Senado é irreversível, e que o BDR (Bloco Democrático Reformista) tem grandes projetos para o ano que vem.

Além de seu nome posto para o Senado, o grupo conta com a senadora Marisa Serrano (PSDB), que tem mais 4 anos de mandato, e com o presidente regional do PSDB, Reinaldo Azambuja, que disputará com grandes chances uma vaga na Câmara dos Deputados.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions