ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, QUINTA  24    CAMPO GRANDE 24º

Política

Murilo completa 1 ano na Prefeitura e quer dar a Dourados cara de capital

Por Aline dos Santos | 23/02/2012 12:58

Murilo Zauith assumiu a prefeitura em uma eleição fora de época, após as renúncias do então prefeito Ari Artuzi

Murilo destaca investimento de R$ 140 milhões em Dourados. (Foto: A. Frota)
Murilo destaca investimento de R$ 140 milhões em Dourados. (Foto: A. Frota)

Ao completar um ano à frente da segunda maior cidade de Mato Grosso do Sul, o prefeito Murilo Zauith (PSB) quer que Dourados tenha padrão de capital. “Estamos investindo R$ 140 milhões para organização e modernização da cidade. O objetivo é elevar o padrão de Dourados a uma capital”, salienta.

As obras são para modernizar o trânsito, pavimentação de ruas, além de construção de casas, escolas e unidades de saúde na cidade, que tem 189.762 habitantes. Nestes 365 dias, o prefeito relata que a maior dificuldade foi colocar o município para andar, ou como diz o slogan da prefeitura: "Dourados no rumo certo".

Zauith assumiu a prefeitura em uma eleição fora de época, após as renúncias do então prefeito Ari Artuzi (PMN) e do vice Carlinhos Cantor (PR). Eles foram presos na operação Uragano, da PF (Polícia Federal), que revelou esquema de fraude envolvendo a prefeitura, Câmara Municipal e empresas. “Estava completamente desorganizado, sem nenhum planejamento”, recorda o prefeito.

Uma das áreas mais problemáticas era a Saúde, pasta, que conforme as denúncias, tinha recursos drenados para o esquema de corrupção. No último ano, a área passou por um choque de gestão.

“A Saúde melhorou muito. Investi 24% do orçamento do município. Enquanto que, por lei, o repasse é de 15%. Pela primeira vez na história de Dourados fizemos compra de remédios com pregão eletrônico, foram quase R$ 2 milhões”, salienta Zauith.

O prefeito ressalta que Dourados também é referência de atendimento médico para a região, recebendo moradores de municípios vizinhos. A prefeitura está reformando e ampliando o PAM (Pronto Atendimento Médico), com a construção do setor de imagens para instalação de um novo aparelho de raio-X e outros equipamentos necessários para exames médicos.

Os investimentos também chegam à Educação. Todos os estudantes da educação infantil à última série do ensino fundamental vão receber neste ano uniforme, kit de material escolar e mochila

No setor econômico, a cidade vai sediar em junho a Feira do Empreendedor, realizada até então em Campo Grande. A expectativa é atrair oito mil visitantes presenciais e oito mil virtuais, 70 expositores, 15 mil atendimentos, 130 capacitações e R$ 1 milhão em negócios realizados.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário