A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

14/09/2012 10:48

Murilo lidera com vantagem de 30 pontos em Dourados, aponta pesquisa

Fabiano Arruda
Na pesquisa estimulada, Murilo Zauith aparece com 57% das intenções de voto. (Foto: Divulgação)Na pesquisa estimulada, Murilo Zauith aparece com 57% das intenções de voto. (Foto: Divulgação)

Murilo Zauith (PSB) tem ampla vantagem na corrida pela reeleição à Prefeitura de Dourados com 30 pontos de diferença para o segundo colocado. É o que garante pesquisa realizada pelo instituto Sensor divulgada nesta sexta-feira pelo jornal Diário MS.

Na pesquisa espontânea, ele tem 52,9% da preferência dos eleitores, enquanto Keiliana Fernandes (PSC) aparece com 21,4%. Em seguida estão o médico Delane Borges (PSDC), com 2,3%, e o radialista José Roberto Domingos da Costa (PSOL), com 0,8%.

Entre os entrevistados, 1,8% citaram outros nomes, 15,3% não souberam responder e 5,5% disseram que pretende anular ou deixar o voto em branco, diz o levantamento.

Na pesquisa estimulada, Zauith tem 57% das intenções de voto contra 26,3% de Keiliana. Delane Borges tem 3,4% e José Roberto, 1%. Brancos e nulos somam 5% e os que não sabem ou estão indecisos somam 7,3%.

Rejeição - O levantamento ainda apurou o grau de rejeição dos candidatos. Zé Roberto teve o maior índice com 35,2%, Delane Borges aparece com 28,1%, Keliana Fernandes com 27,1% e Murilo Zauith com 16,4%. Outros 5% rejeitam todos os candidatos e 33,6% não rejeitam nenhum. Não souberam ou não responderam à pergunta corresponde a 1,3%.

A pesquisa quantitativa foi realizada dias 11 e 12 deste mês e ouviu 384 eleitores. A margem de erro é de 5 pontos percentuais para mais ou para menos dentro de um intervalo de confiança de 95%. A pesquisa está registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) com o número MS-00164/2012.

Murilo lidera pesquisa do Ibope com 54% das intenções de votos em Dourados
O Ibope (Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística) divulgou nesta quinta-feira (30) a pesquisa de intenção de votos e rejeição dos candi...
Quanto mais reforma demorar, mais dura será correção, diz ministro
Caso o governo não consiga aprovar a reforma da Previdência ainda este ano, conseguirá em 2018, disse hoje (11) o ministro do Planejamento, Dyogo Oli...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions