A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 19 de Agosto de 2017

30/07/2017 11:05

Na volta do recesso, vereadores votam 13 projetos durante a semana

Serão apreciadas nove proposições na sessão de terça-feira (1º) e mais quatro na quinta-feira (3)

Richelieu de Carlo
Vereadores durante sessão no plenário. (Foto: Izaías Medeiros/CMCG)Vereadores durante sessão no plenário. (Foto: Izaías Medeiros/CMCG)

Após duas semanas de recesso, os vereadores da Câmara Municipal de Campo Grande retornam aos trabalhos com previsão de votação de mais de uma dezena de projetos. Serão apreciados nove na sessão de terça-feira (1º) e mais quatro na quinta-feira (3). Entre as matérias em análise estão algumas voltadas para área de educação, habitação, segurança pública e denominação de ruas e praças.

Para a área de educação, irão votar o projeto de Welington de Oliveira (PSDB), Otávio Trad (PTB) e Valdir Gomes (PP), que estabelece diretrizes para o enfrentamento e combate a violência nas escolas da rede municipal.

Ao setor de habitação, a proposta de Valdir Gomes (PP), autoriza o poder executivo a implantar um programa de moradia voltado às pessoas da melhor idade. Também será apreciado o projeto que declara de utilidade pública, a Associação Evangélica Beneficente Gerizim.

Os vereadores também irão votar quatro projetos para criação de semana municipal do Centro de Referência Especializado de Assistência Social, assim como do Dia da Ação Social, e dia municipal de Recuperação, Preservação e Acompanhamento das Nascentes de Campo Grande, além da Semana do Bem na Rede Municipal de Ensino.

Também terá uma matéria do vereador Eduardo Romero (Rede), que denomina Praça das Nações, para espaço público entre as ruas Aliomar Baleeiro, Luiz Coutinho e a Avenida Gabriel Spipe Calarge, no Jardim das Nações. Todos os projetos serão votados em segunda discussão.

Na quinta-feira, todos os projetos estão pautados para única discussão e votação.

Primeiro, será analisado o projeto do vereador André Salineiro (PSDB), que autoriza o Poder Executivo a criar o Conselho Municipal de Segurança Pública. Em parceria com o colega de partido Wellington Oliveira, também será analizada proposta que autoriza o Poder Executivo a criar o Fundo Municipal de Segurança Pública.

Os vereadores ainda apreciam a proposição do vereador Lívio Viana (PSDB), que autoriza a prestação de assistência odontológica a pacientes em regime de internação hospitalar em Campo Grande.

E, por fim, será analisado o veto parcial do prefeito Marquinhos Trad (PSD) ao projeto de lei que institui o "Domingo em família na Afonso Pena", em Campo Grande. A proposta é de autoria dos vereadores Otávio Trad, André Salineiro, Odilon de Oliveira, Ademir Santana, Roberto Santana, o Betinho, João Rocha, Junior Longo e William Maksoud.

Juiz Sérgio Moro nega suspensão de segundo interrogatório de Lula
O juiz federal Sérgio Moro negou nesta sexta-feira, 18, o pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para adiar seu interrogatório m...
Cármen Lúcia determina que tribunais divulguem salários de magistrados
A ministra Carmen Lúcia, presidente do STF (Supremo Tribunal Federal) e do CNJ (Conselho Nacional de Justiça), assinou nesta sexta (18) uma portaria ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions