A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

04/05/2009 15:23

Nelsinho diz que não mexe no reajuste dos servidores

Redação

O prefeito de Campo Grande Nelsinho Trad (PMDB), disse na tarde de hoje, que não tem mais como mexer no índice de reajuste dos servidores municipais. Segundo ele, o projeto já está na Câmara desde a última quinta-feira. "Não dá para mexer no reajuste", enfatizou.

Nelsinho explicou ainda que para os professores foi possível se dar um reajuste de 10% graças aos recursos do Fundeb (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Básica), do governo federal.

O líder do prefeito na Câmara, vereador Paulo Pedra (PDT), acha que o reajuste será aprovado por unanimidade. "O importante é se pagar em dia. Não se pode esquecer de que existe uma crise mundial que também atinge o país", defendeu.

Quanto - Segundo o projeto que o prefeito enviou à Câmara, haverá um reajuste linear de 5,5%. Os servidores com salários menores terão uma aumento maior, isso para equipará-los com o valor do salário mínimo.

O Sisem (Sindicato dos Servidores Municipais) já avisou que não aceitará o valor sem antes protestar. A princípio, os servidores pediam 20% de aumento, mas o percentual sempre foi tido como "inviável" pelo prefeito.

O sindicato apresentou contraproposta de 12%. "Aceitamos até o parcelamento desse índice em duas vezes", diz a presidente do sindicato Maria das Dores Rocha. "Queremos ganho real", reclama.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions