A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

23/09/2014 21:35

Nelsinho promete reduzir alíquota do ICMS do diesel de 17% para 12%

Ludyney Moura
Nelsinho se reuniu com representantes do setor e prometeu redução significativa no ICMS que incide sobre óleo diesel (Foto: Divulgação/Mazão Ramires)Nelsinho se reuniu com representantes do setor e prometeu redução significativa no ICMS que incide sobre óleo diesel (Foto: Divulgação/Mazão Ramires)

Aposta do PMDB para substituir o maior líder do partido no comando do governo de Mato Grosso do Sul, o ex-prefeito da Capital, Nelsinho Trad, afirmou esta semana durante agenda pública de campanha, que vai diminuir, se eleito, em 5% o ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços) sobre o óleo diesel.

Nelsinho prometeu reduzir a taxa de 17% para 12%. "Será uma via de mão dupla. Vamos baixar esta alíquota para sermos competitivos, iguais a outros estados. O setor também se compromete a promover o incremento da atividade do setor em Mato Grosso do Sul", disse.

O candidato peemedebista prometeu a redução do ICMS do diesel, é a primeira pauta que levará, se eleito, à Câmara de Transparência Tributária. Segundo Nelsinho, estudos mostram que pelo menos 10 mil caminhões circulam diariamente nas rodovias do Estado.

Segundo Nelsinho, que se reuniu com representantes do setor de transportes, a diminuição na alíquota aumentaria em 30% o consumo do óleo diesel em Mato Grosso do Sul, o que tornaria o Estado mais competitivo.

Durante a agenda de campanha, o ex-prefeito de Campo Grande ouviu que desde o ano de 2004, quando Estados vizinhos, como São Paulo, adotaram uma alíquota de 12%, os caminhoneiros preferem abastecer fora de Mato Grosso do Sul, e por vezes atravessam nosso Estado sem necessidade de paradas nos postos locais.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions