A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 24 de Abril de 2018

07/12/2016 17:52

Para enfrentar dívida, Trad promete cortar comissionados e fim de regalias

Primeiro desafio do prefeito será sanar um défici mensal que chega a R$ 30 milhões

Alberto Dias
Marquinhos Trad em visita pela tarde em entidade assistencial. (Foto: Alberto Dias)Marquinhos Trad em visita pela tarde em entidade assistencial. (Foto: Alberto Dias)

Com a promessa de cortar o que for supérfluo, o prefeito eleito de Campo Grande, Marquinhos Trad (PSD), criticou o elevado número de cargos comissionados distribuídos pela Prefeitura. "São 1400 cargos em comissão e com certeza esse número jamais existirá em minha gestão", declarou o futuro gestor. "Vamos fazer um enxugamento para que máquina possa funcionar".

Para tanto, Trad garante que não vai retirar benefícios da minoria e sim, "cortar regalias" - o que inclui as comissões. Em entrevista ao Campo Grande News, admitiu que os novos investimentos terão de esperar, já que é preciso primeiro colocar a casa em ordem, frente à dívida que assola os cofres municipais, e que ultrapassa R$ 200 milhões. "A dificuldade que a gente já previa se consolida a cada número que a gente recebe", ponderou.

Segundo ele, o foco prioritário será "colocar o que existe para funcionar e depois pensar em construir" e implementar as ações de seu programa de governo. "Vamos corrigir os problemas que existem hoje nas secretarias, senão de maneira integral, mas reduzi-los ao máximo", disse, referindo-se à dificuldade no atendimento médico nas unidades de saúde, falta de medicamentos e também a falta de vagas nos ceinfs (centros de educação infantil).

As declarações foram prestadas na tarde desta quarta-feira (7), durante visita à entidade assistencial Juliano Varela, que cuida de crianças portadoras da síndrome de Down. Na ocasião, Trad chegou acompanhado de sua esposa e filhas, e foi recebido com festa pelos alunos.

Por fim, garantiu que dará atenção especial às mais de 70 entidades conveniadas à Prefeitura e que, neste ano, sofreram com os atrasos nos repasses por parte do Município.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions