A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

12/12/2013 22:29

Para secretario Governo, cassação de vereador tirou “essência” de Processante

Vinícius Squinelo e Lidiane Kober

A cassação do vereador Alceu Bueno (PSL) tirou a “essência” dos trabalhos da Comissão Processante contra o prefeito Alcides Bernal (PP). Pelo menos é nisso que se apoio o secretário de Governo Pedro Chaves, ao defender o progressista.

“Pra mim a comissão perdeu a essência, já que agora ela só tem dois componentes”, afirmou Chaves, durante a inauguração da Cidade do Natal, na noite de hoje (12) nos altos da avenida Afonso Pena, em Campo Grande.

O secretário defendeu a tese de que a Comissão Processante, que põe em risco o mandato de Bernal, é “ilegítima e deveria paralisar as atividades”.

O secretário ainda atacou o Ministério Público Estadual, acusado por ele de “requentar” denúncia contra o prefeito. O MPE entrou com a segunda ação na Justiça pedindo o afastamento de Bernal. Relatório do DAEX (Departamento Especial de Apoio às Atividades de Execução do Ministério Público) aponta prejuízo de R$ 110,4 milhões ao erário público.

“Estão misturando suplementação com remanejamento, não houve desvio”, garante Chaves.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions