A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

14/11/2012 11:54

Pedra, Edil e Thais Helena vão acompanhar transição pela Câmara

Fabiano Arruda e Mariana Lopes
Vereadora Thais Helena foi indicada para representar grupo do prefeito eleito Alcides Bernal. (Foto: arquivo)Vereadora Thais Helena foi indicada para representar grupo do prefeito eleito Alcides Bernal. (Foto: arquivo)

Os vereadores Paulo Pedra (PDT) e Thais Helena (PT), bem como o vice-prefeito e parlamentar eleito, Edil Albuquerque (PMDB), formam a comissão da Câmara Municipal para acompanhar a transição na Prefeitura.

As indicações de Pedra e Edil estavam definidas desde ontem (13). Faltava apenas um nome do grupo ligado ao prefeito eleito Alcides Bernal (PP) e Thais foi a indicada.

Durante a sessão ordinária na Câmara nesta quarta-feira, a petista destacou a importância de o Legislativo possuir um grupo para acompanhar o processo, o que, para ela, demonstra a valorização dos vereadores.

Conforme Helena, será uma forma de os parlamentares conhecerem a situação da atual administração e sob quais condições Bernal vai herdar a Prefeitura.

Paulo Pedra, por sua vez, disse que ainda nesta quarta deve ser reunir com a vereadora do PT para traçar uma agenda de trabalho.

Equipes - Bernal anunciou na última segunda-feira o grupo que vai cuidar da sua transição. O presidente da equipe é José Luciano de Matos Dias, doutor em Ciências Políticas, formado no Rio de Janeiro, e integrante da direção nacional do PP.

A comissão ainda terá Francisco Fausto Mato Grosso, engenheiro civil, consultor em planejamento e professor da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), além de Vanderlei Ben Hur da Silva, contador, fiscal de rendas e professor universitário.

Formam as subcomissões do grupo Ulisses Duarte, promotor de Justiça aposentado e professor universitário, e Ricardo Trefzger Ballock, administrador, servidor do Tribunal de Justiça e foi integrante da CPI da Enersul.

Do lado da gestão do prefeito Nelson Trad Filho (PMDB), que já estava definida, os técnicos que vão auxiliar na transição também estão definidos: Marcelo Amaral, que comanda a agência de regulação de serviços públicos; o secretário-adjunto de Planejamento, Finanças e Controle, Ivan Jorge Cordeiro de Souza, bem como a professora Aurenice Pilatti.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions