A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

07/04/2014 16:37

PR diz que já tem oferta do PT para indicar vice na chapa de Delcídio

Josemil Arruda
Grazielle disse que Londres, seu pai, tem reunião hoje ou amanhã com Delcídio  (Foto: arquivo)Grazielle disse que Londres, seu pai, tem reunião hoje ou amanhã com Delcídio (Foto: arquivo)

Aproveitando-se da mudança de cenário com o governador André Puccinelli (PMDB) não renunciando para se candidatar a senador e o secretário estadual de Obras, Edson Giroto, o senador Delcídio do Amaral (PT) partiu para cima do Partido da República (PR), já tendo inclusive oferecido a vaga de vice-governador para a legenda comandada pelo veterano deputado Londres Machado.

“O PT sinalizou já a primeira via de atendimento de participação do PR na chapa majoritária, oferecendo a vaga de vice”, informou a vereadora Grazielle Machado, filha do deputado estadual Londres Machado, presidente estadual do PR. “De hoje para amanhã deve haver conversa do deputado Londres com o senador Delcídio”, acrescentou a vereadora.

Segundo ela, essa aproximação está acontecendo em decorrência do novo cenário eleitoral que surgiu com o fim do prazo para as desincompatibilizações. “Tudo isso acontece diante dos acontecimentos da semana passada”, disse a republicana.

PMDB mais distante – Questionada se a decisão de Puccinelli de não se candidatar a senador e de Edson Giroto de não tentar a reeleição como deputado federal, o que desfalca o PR na disputa eleitoral deste ano, afastou os republicanos do PMDB, Grazille Machado negou. “De jeito nenhum. Temos diálogo com Nelsinho (Trad), assim como com a Simone (Tebet). Essas decisões não fecham as portas”, garantiu Grazielle.

Deixou evidente, porém, que foi um baque o desfalque causado por Giroto, que não será candidato nas eleições deste ano. “Giroto era um homem fortíssimo do PR para qualquer cargo eletivo. A não desincompatibilização dele será sentida. O PR, o deputado Londres sempre honrou compromissos feitos com o PMDB, permanecendo na base na Assembleia Legislativa, com nossos quadros do secretariado colaborando. Agora abre nova discussão, é um novo momento”, disse a vereadora.

O fato de o PT já ter oferecido a vaga de vice, a mesma que já havia apresentado ao PSB, do prefeito de Dourados, Murilo Zauith, segundo Grazielle, não significa distanciamento do PMDB. “O PR vai conversar para observar as diretrizes tanto do candidato do PMDB quanto do PT e de outros partidos que se apresentarem”, assegurou.

De outro ponto de vista, porém, Grazielle machado admitiu que está havendo uma aproximação dos petistas. “O que aproxima do PT é o fato de já ter sinalizado a composição do PR para chapa majoritária”, admitiu. “Agora esperamos a sinalização do PMDB”, acrescentou a republicana.

Nos próximos dias, conforme Grazielle, acontecerá reunião da Executiva estadual do PR para discutir o melhor rumo eleitoral. “Política é a arte do diálogo e o PR deve procurar as melhores composições. O PR quer vaga na chapa majoritária e também participação na administração estadual”, apontou. “É um partido com três deputados estaduais, um deputado federal licenciado, e uma grande bancada de prefeitos, vices e vereadores. Temos peso político que pode trazer decisão nas eleições”, enalteceu.

O pai de Grazielle, deputado Londres Machado, também foi procurado para falar sobre a situação do PR após os acontecimentos da semana passada, mas este informou que não poderia dar entrevista naquele momento.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions