A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

19/05/2010 17:57

Prefeita de Coxim é acusada de não repassar R$ 476 mil

Redação

A prefeita de Coxim, Dinalva Mourão (PMDB), pode responder por apropriação indébita no repasse de recursos do Impc (Instituto Municipal de Previdência de Coxim). As parcelas de fevereiro e março não foram repassadas e totalizam R$ 476 mil. O MP (Ministério Público) já foi acionado.

De acordo com o site Edição de Notícias, além da prefeita, o secretário de Gestão do município, Antônio Carlos Rocha pode ser responsabilizados pela apropriação indébita se o recolhimento das contribuições próprias e de terceiros não forem feitas nas datas e condições estabelecidas na lei.

Caso a parcela de abril não seja paga até o próximo dia 30, a dívida sobe para R$ 715 mil. Em 2009, a Câmara de Vereadores aprovou o parcelamento de R$ 2 milhões em dívidas da prefeitura com o Impc.

"Se a cada ano a prefeitura acumular dívidas e parcelar para pagar em longo prazo vai acabar comprometendo o orçamento da futura administração", afirmou o vereador Aluízio São José (PSB).

Governo do Estado investe R$ 9,2 milhões em infraestrutura em Caracol
Caracol vai receber mais de R$ 2,8 milhões em obras a serem executadas pelo Governo do Estado em parceria com a prefeitura e deputados federais e est...
Assembleia vota Orçamento de R$ 14,4 bilhões de 2018 na terça-feira
O Orçamento de R$ 14,4 bilhões do Governo de Mato Grosso do Sul para 2018 passará pela votação em segunda discussão na terça-feira (19) na Assembleia...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions