ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, SÁBADO  24    CAMPO GRANDE 28º

Política

Prefeita veta mais um corredor gastronômico aprovado por vereadores sem verba

Parlamentares não apontaram qual recurso seria usado em projeto na Av. Marquês de Pombal, no Tiradentes

Caroline Maldonado | 06/09/2022 09:30
Avenida Marquês de Pombal, no Tiradentes (Foto: Marcos Maluf/Arquivo)
Avenida Marquês de Pombal, no Tiradentes (Foto: Marcos Maluf/Arquivo)

A prefeita de Campo Grande, Adriane Lopes (Patriota) vetou hoje (6) o projeto de lei para criação do Corredor Gastronômico, Turístico e Cultural do Bairro Tiradentes. Os vereadores aprovaram a criação do corredor, mas não apontaram qual recurso financeiro seria utilizado para a implementação.

Na prática, é só um projeto de criação de corredor, sem estudo que aponte como seria executado. Esse é o oitavo projeto para criação de corredor gastronômico na Capital, aprovado pela Câmara Municipal. Até agora, apenas o corredor da Avenida Bom Pastor, no Villas Boas, tem recursos garantidos para ser executado.

O corredor, que seria na Avenida Marquês de Pombal, no Tiradentes, foi proposto pelos vereadores Clodoilson Pires (Podemos), Alírio Villasanti, o “Coronel Villasanti” (União Brasil) e Riverton Souza (PSD) e aprovado pela maioria dos parlamentares, em agosto.

O motivo do veto é a necessidade da realização de estudos técnicos e planejamento financeiro e orçamentário adequado para a execução do projeto. No texto do veto, a prefeita explica que o projeto não apresentou o planejamento apontado pela Sidagro (Secretaria Municipal de Inovação, Desenvolvimento Econômico e Agronegócio).

Corredores no papel - Em abril, os vereadores aprovaram a criação de outro corredor, na Rua Olímpio Klafke, na Mata do Jacinto. O projeto foi apresentado pelos vereadores Otávio Trad e Ademar Vieira Júnior, o “Coringa”, ambos do PSD.

Em março deste ano, foi aprovado o projeto do vereador Epaminondas Neto, o “Papy” (Solidariedade), para a criação de outro corredor, no Jardim Itamaracá, na Rua Padre Mussa Tuma.

Em setembro de 2021, entrou em vigor a lei que criou o Corredor Gastronômico das Moreninhas, na Rua Barreiras. Além destes, já foram aprovados na Câmara Municipal a instalação de corredores gastronômicos na Avenida Gualter Barbosa, no bairro Nova Lima; na Rua José Antônio, Centro e na Rua da Divisão, no bairro Jardim Parati.

Nos siga no Google Notícias