A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 23 de Abril de 2018

08/08/2012 12:29

Prefeitura de Paranaíba é investigada por emissão fraudulenta de notas frias

Elverson Cardozo

O Ministério Público Estadual notificou a Câmara Municipal de Paranaíba para que apure denúncias de improbidade administrativa por parte da Prefeitura, referente à operação “Geleira”. O Executivo Municipal é investigado por emissão fraudulenta de notas frias.

Nesta terça-feira (6) um ofício foi encaminhado ao Legislativo Municipal. O Ministério Público estipulou prazo de 10 dias para que a Câmara tome providências, sob pena de responsabilização civil, penal e/ou administrativa.

A casa de leis pode instalar uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) e, caso sejam comprovadas as irregularidades, o prefeito de Paranaíba, Jose Garcia de Freitas (PDT), pode ser afastado ou ter o mandato cassado.

O trabalho de investigação deve ocorrer paralelamente à apuração feita pelo MP, pro meio da 1ª promotoria de justiça do município.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions