A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

16/08/2012 20:37

Primeiro a votar, ministro Barbosa pede condenação de réus do mensalão

Nyelder Rodrigues

O julgamento do Mensalão pelo STF (Superior Tribunal Federal) entrou em uma fase mais importante nesta quinta-feira (16). No 11º dia, começou a votação dos ministros.

O ministro Joaquim Barbosa, relator do caso, foi o primeiro a votar. Apesar dos argumentos da defesa, ele pediu a condenação de Marcos Valério, Cristiano Paz e Ramon Hollerbach pelos crimes de corrupção ativa e peculato.

Já para o réu João Paulo Cunha, Barbosa votou pela condenação dele por corrupção passiva, dois crimes de peculato e lavagem de dinheiro, pois recebeu vantagem indevida de R$ 50 mil. Joaquim Barbosa retorna à sessão na segunda-feira (20) para finalizar o voto.

João Paulo Cunha foi presidente da Câmara dos Deputados entre 2003 e 2005, e firmou contrato de publicidade com a SMP&B, de Marcos Valério, Cristiano Paz e Ramon Hollerbach.

Para Joaquim Barbosa, o contrato foi firmado após licitação desnecessária, que foi prosseguida por causa da vantagem recebida por Cunha dos sócios da SMP&B.

Outro ponto que chamou a atenção neste 11º dia de julgamento é a divergência de opiniões entre os ministros do STF sobre o caso, o que pode atrasar o julgamento por causa das discussões entre eles.

Além disso, existe a dúvida na participação do ministro Marco Peluso. Ele completa 70 anos no próximo dia 3 de setembro, e será aposentado compulsoriamente.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions