A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

27/02/2013 13:23

Projeto de lei quer proibir venda casada de alimento com brindes infantis

Paula Vitorino
Deputado apresentou projeto nesta manhã. (Foto: Assessoria de Imprensa)Deputado apresentou projeto nesta manhã. (Foto: Assessoria de Imprensa)

No dia em que a lei que institui a cantina saudável nas escolas estaduais foi publicada, outro projeto também em defesa da saúde das crianças e adolescentes foi apresentado na Assembleia Legislativa.

A proposta do projeto de autoria do deputado estadual Pedro Kemp (PT) é proibir a venda casada de alimentos prontos ou produtos alimentícios com brinquedos ou brindes destinados ao consumo de crianças nos estabelecimentos comerciais de Mato Grosso do Sul.

Segundo o deputado, a venda é utilizada como estratégia de marketing pelas redes de lanchonetes e supermercados para atrair os consumidores. “As leis precisam ser endurecidas e este tipo de prática coibida”, defendeu.

Uma das justificativas apresentadas pelo parlamentar é a da obesidade infantil, apontando que o principal fator para o problema “é o fácil acesso a produtos muito calóricos que são
produzidos pela indústria de alimentos ou oferecidos como alimentos prontos em forma de
fast-food”.

A lei prevê notificação e, em caso de descumprimento, multa ao estabelecimento.

 

Presidente Michel Temer deve ter alta na manhã desta sexta-feira
O presidente Michel Temer deverá ter alta hospitalar na manhã desta sexta-feira (15), informou o médico Roberto Kalil Filho, que coordena os cuidados...
Interrogatório de Lula na Operação Zelotes é marcado para fevereiro de 2018
A Justiça Federal em Brasília marcou para o dia 20 de fevereiro de 2018 os interrogatórios do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e de seu filho ...
Senado aprova desconto de dívidas de produtores rurais e texto segue para sanção
O Senado concluiu a votação, nesta quinta-feira (14), do projeto que permite a renegociação das dívidas de produtores rurais, estabelecendo descontos...


Não dou parabéns para o deputado Pedro kemp (PT) pela iniciativa, porque na realidade esse projeto que é de relevância sim para a população, não deveria ser necessário uma vez que existe a ANVISA e ela sim, deveria regular esse tema através de resolução.
Segundo o Ministério da Saúde - 2012, a maior causa morte natural no país, são os acidentes cardiovasculares. Dessa forma, a alimentação mais saudável deve ser recomendada para a população como um todo, e principalmente, para as nossas crianças (mais de 50% com obesidade e já com doenças relacionadas a esse transtorno de saúde), quando iniciamos a prevenção e formaremos bons hábitos alimentares.
 
Valeria Santiago em 12/03/2013 08:16:42
Parabéns deputado Pedro kemp (PT) pela iniciativa, projeto de muita relevância para a população. Tantas outras coisas mais importantes como saúde, transporte, segurança, entre outros... para ser votado. O deputado não tem mesmo o que fazer! Vamos abrir o olho meu povo e ver o trabalho dos nossos deputados. Afinal eles tem que trabalhar para o melhorar a vida do ciadadão. Não ficar fazendo projetinhos como esse.
 
Antonio Carlos Luna em 27/02/2013 15:14:16
Ok deputado! Agora temos que pensar em uma estratégia em defesa da educação das crianças e adolescentes... que tal proibir o estado e o município de pagar uma mixaria para os professores heim...
 
João da Silva em 27/02/2013 14:35:37
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions